Hackers roubam fotos de William e Kate de conta da irmã

Conta da irmã da princesa Kate foi hackeada na nuvem, e hackers tiveram acesso a cerca de 3 mil fotos pessoais, que incluem a princesa, o marido e os filhos

Londres – A Polícia do Reino Unido está investigando um ataque de hackers a conta de um serviço de armazenamento on-line de Pippa Middleton, que continha fotos particulares de sua irmã, a princesa Kate, do príncipe William e dos filhos do casal, George e Charlotte.

De acordo com os tablóides “The Sun” e “Daily Mail”, um vendedor anônimo enviou mensagens codificadas pelo WhatsApp aos veículos de imprensa britânicos tentando negociar as imagens. Os hackers teriam roubado cerca de 3 mil fotos pessoais de Pippa.

O vendedor anônimo pretendia vender cada foto de Kate, William e os filhos do casal por 50 mil libras (cerca de R$ 210 mil).

Agentes especiais da Scotland Yard, a polícia do Reino Unido, investigam o caso por causa de uma denúncia por interceptação ilegal apresentada ontem. Ninguém ainda foi preso.