Dólar R$ 3,27 0,13%
Euro R$ 3,63 -0,15%
SELIC 11,25% ao ano
Ibovespa -0,51% 63.761 pts
Pontos 63.761
Variação -0,51%
Maior Alta 3,64% FIBR3
Maior Baixa -2,44% CIEL3
Última atualização 29/05/2017 - 17:21 FONTE

Google dobra aposta na realidade virtual com novos celulares

Com o mercado de smartphones desacelerando, alguns fabricantes estão otimistas com a chance de a realidade virtual entusiasmar o consumidor

O Google, da Alphabet, dobrou sua aposta na realidade virtual e aumentada nesta semana, com parceiros de hardware anunciado novos dispositivos com tecnologia da companhia na feira de eletrônicos CES Show, em Las Vegas.

O Google tem tentado posicionar a vasta rede de smartphones que rodam o sistema operacional Android para a realidade virtual (VR) e aumentada (AR), campos que muitos na indústria de tecnologia dizem que estão prontos para atingir o grande público após anos explorando nichos.

A fabricante chinesa Huawei Technologies anunciou na quinta-feira que dois de seus telefones em breve usarão o Daydream View, um fone de ouvido de realidade virtual lançado no ano passado pelo Google.

Enquanto isso, a fabricante taiwanesa AsusTek anunciou que apoiará ZenFone AR poderá rodar tanto o Daydream quanto o software Tango do Google para realidade aumentada, no qual o conteúdo gerado por computador é sobreposto sobre o mundo real.

Com o mercado global de smartphones desacelerando, alguns fabricantes têm expressando otimismo com a chance de a realidade virtual ou aumentada entusiasmar o consumidor.

Mas o interesse do consumidor na tecnologia ainda não foi provado. Aplicativos podem estimular a demanda, mas até que a tecnologia do Google esteja disponível numa ampla gama de telefones, será difícil convencer desenvolvedores a construir para a plataforma, disseram analistas.

“Estamos esperando que os desenvolvedores de aplicativos usem realmente a plataforma para o que é”, disse Amit Singh, vice-presidente para realidade virtual do Google a jornalistas.