Gmail criptografa comunicação entre servidores

"Desde hoje o Gmail vai utilizar sempre a conexão encriptada https quando revisarem ou enviarem e-mails", disse o Google em comunicado

Washington – O Google anunciou nesta quinta-feira que seu serviço de e-mail, o Gmail, utilizará o tempo todo comunicações criptografadas entre seus servidores para evitar que a Agência Nacional de Inteligência (NSA) dos EUA invada comunicações privadas durante o tráfego de dados.

“Desde hoje o Gmail vai utilizar sempre a conexão encriptada https quando revisarem ou enviarem e-mails”, disse o Google em comunicado.

O sistema https, mais seguro, já estava disponível para os usuários desde 2010, mas a partir de agora será uma proteção obrigatória e impossível de desativar.

“A mudança significa que ninguém poderá grampear as mensagens quando vão e vêm entre o usuário e os servidores do Gmail, independentemente se usa uma rede pública wi fi, seu computador, um telefone ou um tablet”, explicou o Google.

Além de ter tomado medidas para codificar as comunicações entre o usuário e os servidores do Google, a companhia californiana também protegerá as comunicações entre centros de dados que, segundo revelações do ex-analista da NSA Edward Snowden, eram alvo da NSA.

Em aparente referência aos vazamentos de Snowden, o Google explicou que a codificação das comunicações entre estes centros de dados se transformou em uma prioridade “desde as revelações do verão passado”.

Snowden, que está refugiado na Rússia, mostrou documentos que mostram que a NSA espionava de diversos modos os servidores no exterior de companhias americanas de internet para obter dados de inteligência.