Estoque de iPad 2 se esgota nos Estados Unidos

Após o primeiro fim de semana de vendas do iPad 2, os norte-americanos já não conseguem mais encontrar o tablet em nenhuma loja, física ou virtual

São Paulo — Embora não sejam números oficiais, uma vez que a Apple não confirma as informações, analistas calculam que a empresa tenha colocado à venda um lote com cerca de 600 mil iPads 2 para esse início de vendas nos Estados Unidos.

De acordo com o jornal Wall Street Journal, quem foi comprar o tablet no domingo já não encontrava mais o iPad 2 em nenhuma das lojas. A rede Best Buy afirmou que seu estoque foi completamente vendido em apenas 10 minutos. Quem tentou adquirir o produto através de lojas online também teve a surpresa de encontrar o produto esgotado em poucas horas, além de ver o prazo de entrega subir de 2 semanas para 5 semanas.

Para efeito de comparação, a primeira geração do iPad teve 300 mil unidades vendidas no primeiro fim de semana. E, pelas estimativas, a nova versão do tablet já ultrapassou essa marca e se esgotou nos Estados Unidos. Analistas acreditam que a Apple poderá vender até 5,5 milhões de iPad 2 somente no primeiro semestre, superando as vendas da primeira geração, de 3,3 milhões de unidades.

As empresas de análise de mercado divergem quanto ao perfil dos compradores. A Global Equities Research diz que 60% deles já possuíam o antigo iPad, 40% são novos compradores do tablet e 100% já possuem algum produto da Apple.

Já a Ticonderoga Securities afirma que a  maior parte dos consumidores são pessoas que não tinham o primeiro iPad. Sua estimativa é de que 70% das vendas sejam para novos usuários. A Ticonderoga calcula que a Apple possa ter vendido até 1 milhão de unidades do iPad 2 neste primeiro fim de semana, número superior ao estimado por outras empresas.