Avianca inicia testes de serviço de Wi-Fi dentro de aviões

Por enquanto, o acesso está disponível em apenas um avião que faz o trajeto entre as cidades do Rio de Janeiro, Salvador e Recife

São Paulo – A Avianca Brasil começou a oferecer conexão Wi-Fi em voos nacionais a partir desta quarta-feira, 21. A companhia aérea anunciou hoje que está adaptando a frota de aeronaves com a instalação da antena e dos equipamentos necessários para oferecer o serviço.

Por enquanto, o acesso está disponível em apenas um avião que faz o trajeto entre as cidades do Rio de Janeiro, Salvador e Recife.

A previsão da companhia é de que até o final de 2017, pelo menos 80% da frota de 41 aeronaves ofereça conexão Wi-Fi. Em outubro, outros quatro aviões terão o serviço disponível.

De acordo com José Efromovich, presidente do conselho da Avianca Brasil, a companhia vai priorizar, no primeiro momento, aviões que fazem trajetos mais longos.

“A gente viu a necessidade de inovar. É impensável passar três, quatro horas em um avião sem estar conectado”, diz Efromovich.

O serviço de conectividade será gratuito durante os três primeiros meses, período em que a empresa fará pesquisas com os passageiros para definir os pacotes de acesso.

“É importante entender o comportamento do passageiro para depois criar um serviço compatível com suas necessidades”, diz o executivo. Por enquanto, a companhia aérea não definiu os planos que vai oferecer, por isso não divulgou a velocidade da conexão.

A empresa também não divulgou os preços dos pacotes de acesso a internet a bordo. Como funciona O processo para o passageiro se conectar é dividido em quatro etapas.

É preciso colocar o aparelho em modo avião, selecionar a rede Avianca Wi-Fi, abrir o navegador e preencher alguns campos com informações pessoais.

O acesso será fornecido pela provedora americana de internet via satélite Global Eagle Entertainment (GEE). A companhia ainda oferece uma plataforma de entretenimento com séries, filmes, jogos e programação de TV ao vivo.

De acordo com a GEE, o sistema já é utilizado em mais de 700 aeronaves no mundo. Segundo Efromovich, o projeto de internet a bordo teve início há dois anos e o investimento foi US$ 25 milhões na primeira fase que vai até o final do ano que vem.

O anúncio da chegada do Wi-Fi veio um pouco depois de a empresa obter, em 19 de setembro, autorização da Agência Nacional de Aviação (Anac) para usar conexão via satélite.

Concorrentes Por enquanto, apenas a Avianca Brasil oferece conexão de internet a bordo na América do Sul, mas outras companhias aéreas brasileiras pretendem trazer o serviço a seus passageiros em breve.

A Gol já começou a instalar nos aviões as primeiras antenas para a conexão Wi-Fi e prevê que toda a frota esteja adaptada até 2018.

A Latam, empresa aérea recém-formada por TAM e pela chilena LAN, afirmou em nota ao jornal “O Estado de S. Paulo” que o projeto de internet a bordo está em fase de estudo e que o acesso será oferecido quando a companhia considerar satisfatória a cobertura de satélite para a região da América Latina.

A companhia aérea Azul disse que também tem intenção de oferecer internet durante seus voos, mas o projeto ainda está em estágio inicial.