Dólar R$ 3,27 -0,31%
Euro R$ 3,66 0,07%
SELIC 11,25% ao ano
Ibovespa 1,80% 63.791 pts
Pontos 63.791
Variação 1,80%
Maior Alta 6,73% SMLE3
Maior Baixa -3,37% MRFG3
Última atualização 24/05/2017 - 14:22 FONTE

App permite que você alugue carro sem aviso de devolução

O serviço da Zazcar pretende facilitar o aluguel de automóveis e, por isso, não requer mensalidade do usuário

São Paulo – A Zazcar, empresa de compartilhamento de carros, lançou um aplicativo que promete facilitar o aluguel de automóveis em São Paulo. O sistema homônimo funciona sob demanda. Assim, o usuário pode usar o veículo escolhido no momento que precisar, seja para fazer umas compras no supermercado ou para uma viagem no final de semana.

A companhia já oferecia um serviço similar desde 2013. Os clientes precisavam se cadastrar por telefone ou pelo site da Zazcar. Depois, eles assinavam um termo de responsabilidade em um dos locais cadastrados para ganhar uma senha de acesso ao site. A partir dele, o usuário podia reservar um carro. 

Agora, tudo isso pode ser feito pelo próprio aplicativo. Basta baixar o app (disponível para Android e iPhone) e fazer uma conta. No momento do cadastro, o sistema pedirá o envio de uma imagem da carteira de motorista (CNH) e uma selfie. “É preciso verificar se a pessoa da CNH é a mesma da selfie. Ao contrário dos serviços de táxi, os nossos usuários estão recebendo um bem de valor (um carro)”, explica Felipe Barroso, CEO da Zazcar, em entrevista a EXAME.com.

Outra medida de segurança criada pela Zazcar é a tecnologia que conecta o carro com os aplicativos dos seus clientes. Segundo Barroso, o hardware que é embarcado no automóvel tem um dispositivo Bluetooth que conversa com os aplicativos. “Quando o cliente solicita um veículo, ele recebe pelo app uma chave criptografada. Desse modo, o aplicativo faz o pareamento seguro com o carro selecionado”, conta.

Depois que o cadastro é aprovado, a pessoa já está apta para alugar um automóvel. Para acionar o serviço, basta escolher um dos carros que aparece na tela principal do app. O sistema funciona por geolocalização, assim, é possível regular a distância entre o usuário e a garagem mais próxima. O carro também pode ser escolhido a partir do nível de combustível.

Diferentemente do site, em que era necessário dizer qual rota seria feita, com o app não é preciso definir o momento da devolução. “Quando o usuário terminar de usar, ele só precisa levar o veículo de volta ao estacionamento e trancá-lo pelo aplicativo”, conta Barroso.

Segundo o site da empresa, o cliente tem cinco minutos para cancelar o uso sem custo e até 30 minutos para chegar até onde o automóvel estiver estacionado. Depois desse tempo, são cobrados vinte reais.

Não é necessário pagar uma mensalidade para utilizar o serviço. O usuário paga oito reais a hora mais 50 centavos por cada quilômetro rodado. Os valores são adicionados no cartão de crédito do cliente e são discriminados no aplicativo.

Concorrência

A implantação de faixas exclusivas de ônibus, o aumento da malha cicloviária e a legalização de serviços como o Uber não é algo que preocupa Barroso. Ele acredita que o aumento na fatia de serviços de mobilidade faz com que a sua empresa angarie ainda mais clientes. “Quando a pessoa abre mão da posse de um automóvel, ela começa a testar outras opções. Ele se torna um usuário multimodal.”

Segundo o empresário, o aluguel de carro é para as pessoas que querem fazer programas mais longos nos finais de semana. “Além disso, você tem um veículo particular sem precisar arcar com os custos de ser dono de um automóvel. Você fica livre de IPVA, seguro e manutenção.”

De acordo com dados fornecidos pela Zazcar, há 50 pontos de estacionamento — onde o cliente pode pegar um dos automóveis do app — em São Paulo. Barroso afirma que a empresa pretende ter 80 pontos espalhados pela cidade até o final do ano. Por enquanto, o aplicativo funciona apenas na capital paulista e não há previsão de expansão para outros municípios.