Dólar R$ 3,27 -0,54%
Euro R$ 3,65 0,07%
SELIC 11,25% ao ano
Ibovespa 1,36% 64.085 pts
Pontos 64.085
Variação 1,36%
Maior Alta 4,89% RADL3
Maior Baixa -6,09% JBSS3
Última atualização 26/05/2017 - 17:20 FONTE

Os carros menos seguros do Brasil, segundo o Cesvi

Estudo aponta quais veículos à venda no País têm menos itens de segurança para evitar acidentes e proteger passageiros e pedestres em batidas

São Paulo – O  Renault Logan Authentique 1.0, o Renault Clio Expression 1.0, o Fiat Palio Fire Way 1.0 e o Fiat Palio Fire são os carros menos seguros entre os mais vendidos no Brasil, de acordo com o Índice de Segurança divulgado pelo Centro de Experimentação e Segurança Viária da Mapfre (Cesvi).

Criado em 2008, o Cesvi atualizou a metodologia do índice, já que desde então itens como o sistema de freios ABS e o airbag se tornaram obrigatórios, os veículos passaram a ter mais recursos tecnológicos e o consumidor ficou mais exigente.

Na nova versão do estudo, os veículos são classificados por números e por estrelas. Os dois critérios facilitam a comparação entre os modelos, já que mesmo que dois veículos empatem na classificação por estrelas, eles podem receber diferentes classificações numéricas.

Quanto maior for o número da nota (entre 10 e 60), pior a classificação. Com relação à pontuação por estrelas, (de 1 a 5), quanto menos estrelas, pior é a posição do carro no ranking (veja também quais são os carros mais seguros do Brasil).

A pontuação de cada veículo é baseada em seu desempenho em cinco grupos básicos de equipamentos de segurança: Seguranças Ativa e Passiva; Assistências à Condução e a Segurança e Proteção ao Pedestre.

O ranking inclui os veículos mais vendidos em 2015, de acordo com dados da Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave). Fazem parte do estudo 293 versões de 58 veículos, fabricados por 14 montadoras. Essa amostra representa cerca de 90% dos veículos novos comercializados no ano passado.

Veja abaixo os carros de passeio que tiveram o pior desempenho no Índice de Segurança do Cesvi Brasil:

1º lugar: Renault Logan Authentique 1.0 16V Flex

Renault Logan Authentique 1.0 16V

Renault Logan Authentique 1.0 16V (Renault/Divulgação)

Índice: 52

Estrelas: 1

2º lugar: Renault Clio Expression 1.0 4p

Renault Clio

Renault Clio (Divulgação/Sala de imprensa Renault)

Índice: 52

Estrelas: 1

3º lugar: Fiat Palio Fire Way 1.0 Flex

Palio Fire Way, da Fiat

Palio Fire Way, da Fiat (Divulgação/Fiat)

Índice: 52

Estrelas: 1

4º lugar: Fiat Palio Fire 1.0 Flex (40 e 2p)

8 - Palio

Palio (Divulgação/Sala de imprensa Fiat)

Índice: 52

Estrelas: 1

5º lugar: Renault Logan Expression 1.6 Flex

renault-logan

(Quatro Rodas)

Índice: 50

Estrelas: 2

6º lugar: Renault Logan Expression 1.0 16V Flex

16 - Logan

Logan (Divulgação)

Índice: 50

Estrelas: 2

7º lugar: Renault Logan Dynamique 1.6 8V Flex

Renault Logan Dynamique

Renault Logan Dynamique (Renault/Divulgação)

Índice: 50

Estrelas: 2

8º lugar: Renault Logan Dynamique 1.0 8V Flex

30º lugar: Renault Logan

Renault Logan (Divulgação)

Índice:

Estrelas:

9º lugar: Nissan Frontier SV Attack AT

Nissan Frontier SV Attack

Nissan Frontier SV Attack (Nissan/Divulgação)

Índice: 50

Estrelas: 2

10º lugar: Nissan Frontier S MT

Nissan Frontier

Nissan Frontier (Sérgio Sade/Quatro Rodas)

Índice: 50

Estrelas: 2

11º lugar: Fiat Uno Way 1.0 Flex 2017 4p

25º lugar: Fiat Uno Way

Fiat Uno Way (Divulgação / Sala de imprensa Fiat)

Índice: 49

Estrelas: 2

12º lugar: Fiat Uno Attractive 1.0 Flex 2017 4p

29 - Uno

Uno (Divulgação)

Índice: 49

Estrelas: 2

13º lugar: Volkswagen Saveiro Trendline CS

Volkswagen Saveiro Trendline

Volkswagen Saveiro Trendline (Volkswagen/Divulgação)

Índice: 49

Estrelas: 2

14º lugar: Volkswagen Saveiro Robust CS

Volkswagen Saveiro Robust

Volkswagen Saveiro Robust (Volkswagen/Divulgação)

Índice: 49

Estrelas: 2

15º lugar: Renault Sandero Authentique  1.0 16V Flex

Renault Sandero Authentique

Renault Sandero Authentique (Renault/Divulgação)

Índice: 49

Estrelas: 2

16º lugar: Fiat Strada Working CE 1.4 Flex 2p

Fiat Strada Working 1.4 CS

Fiat Strada Working 1.4 CS (Fiat)

Índice: 49

Estrelas: 2

17º lugar: Fiat Strada Working CD 1.4 Flex 3p

Fiat Strada 1.4

Fiat Strada 1.4 (Marco de Bari)

Índice: 49

Estrelas: 2

18º lugar: Fiat Strada Working 1.4 Flex 2p

Fiat Strada

Fiat Strada (Divulgação/Assessoria de imprensa da Fiat)

Índice: 49

Estrelas: 2

19º lugar: Fiat Strada Trekking CD 1.6 16V Flex 3p

Fiat Strada

Fiat Strada (Divulgação/Sala de imprensa Fiat)

Índice: 49

Estrelas: 2

20º lugar: Fiat Strada Adventure CE 1.8 16V Flex 2p

Nova Strada Adventure Dualogic, da Fiat

Strada Adventure Dualogic, da Fiat (Divulgação)

Índice: 49

Estrelas: 2

21º lugar: Fiat Strada Adventure CD 1.8 16V Flex 2p

Fiat Strada Adventure Extreme

Fiat Strada Adventure Extreme (Divulgação/Fiat)

Índice: 49

Estrelas: 2

22º lugar: Citroën C3 1.2 Manual Origine PureTech

Citroën C3 Pure tech

Citroën C3 Pure tech (Citroën/Divulgação)

Índice: 49

Estrelas: 2

23º lugar: Peugeot 208 Active 1.2 Manual

Peugeot 208

Peugeot 208 (Peugeot/Divulgação)

Índice: 49

Estrelas: 2

Metodologia

No grupo Segurança Ativa são avaliados equipamentos que buscam evitar acidentes, como sistemas de antitravamento das rodas (ABS) e de assistência à frenagem (BAS); distribuição eletrônica de frenagem (EBD) e controles eletrônicos de estabilidade (ESC) e de tração (TCS).

Em Segurança Passiva, que tem como objetivo amenizar os ferimentos aos ocupantes em acidentes, 18 itens são analisados, incluindo barras de proteção lateral, acessório para retenção de crianças no banco traseiro, encosto de cabeça para todos os ocupantes e airbags.

A Assistência à Condução reúne um grupo de equipamentos que auxiliam o motorista na condução do veículo. Entre os 16 itens analisados, estão detectores de faixa (sistema que alerta o motorista em caso de sonolência ou distração ao sair repentinamente de uma faixa), desembaçador traseiro e limitador de velocidade.

Em Assistência à Segurança foram avaliados cinco equipamentos que alertam o motorista sobre as condições de uso do veículo: alerta de desativação de airbag, de uso de cinto de segurança e detector de fadiga.

No grupo Proteção ao Pedestre são avaliados componentes que buscam amenizar ferimentos em caso de atropelamento, como capô ativo (sistema que aciona as dobradiças do capô), barras de proteção (localizadas na região dianteira dos veículos) e airbag para pedestres.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Alexandre Pires Avila

    Renault – passion for life…
    Percebemos Renault…. Percebemos….