Os mais visados

São Paulo - Dentre os 50 carros mais vendidos do Brasil, o Volkswagen Voyage foi o mais visado por ladrões em 2014 de acordo com o Índice de Veículos Roubados (IV-R), divulgado pela Superintendência de Seguros Privados (Susep). 

No ano passado, foram roubados ou furtados 2.053 veículos, de um total de 119.428,94 carros do modelo que têm seguro no país, ou o equivalente a um índice de 1,719%.

O índice é obtido a partir da divisão do número de sinistros (que é a soma entre os casos de roubos e furtos) pelo número de veículos segurados de cada modelo. Os dados são coletados a partir de apólices ativas e de dados informados pelas seguradoras à Susep.

Veículos com índices de roubo elevado geralmente têm seguros mais caros. "Apesar de outros fatores terem peso no preço da proteção, como perfil do motorista e custo de conserto, o índice de roubo e furto do veículo é responsável por 50% do custo do seguro", diz Marcelo Blay, diretor da Minuto Seguros, site comparador de preços da proteção. 

No entanto, o índice de roubo de cada modelo pode variar em cada estado e até entre os bairros de uma mesma cidade. "Ou seja, os índices de modelos mais roubados servem apenas como referência ao consumidor na hora da compra", diz Blay. 

Metodologia

Para tornar a amostra mais representativa, foram incluídos neste ranking apenas os índices de roubos dos 50 veículos mais vendidos no país entre 2010 a 2014, de acordo com dados divulgados pela Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave).

Dessa forma, foram excluídos da listagem modelos que acabavam aparecendo no topo da lista dos mais roubados porque o número de carros segurados era ínfimo, e assim, mesmo com pouquíssimos sinistros acabavam ficando com altos índices de roubo e furto.

A montagem do ranking, portanto, foi feita da seguinte forma: inicialmente foram selecionados os 50 carros mais vendidos do país nos últimos cinco anos; em seguida foram verificados os índices de roubos e furtos de cada um deles; e por fim, os modelos foram listados em ordem descrescente, dos mais roubados para os menos roubados. 

Apesar de estar entre os 50 veículos mais vendidos, o Chevrolet Classic não foi incluído na lista do IV-R. Nesse caso, optamos por incluir o modelo que seria o 51º mais vendido do país para que a lista atingisse o total de 50 carros.

Em alguns casos a Susep reuniu em uma mesma contagem do IV-R modelos diferentes, como foi o caso do Ford Fiesta e do Ford Fiesta Sedã, do HB20 e HB20S e do Peugeot 207 e Peugeot 207 Sedan. Apesar de esses modelos aparecerem separadamente na lista dos mais vendidos da Fenabrave, foi mantida a configuração da Susep, já que o principal objetivo da matéria é mostrar o IV-R e não quais são os carros mais vendidos.

As versões que apareciam separadas na lista da Fenabrave também foram substituídas por modelos mais vendidos que ficariam fora da lista se fosse seguida a lista dos carros mais vendidos. 

No IV-R, um mesmo modelo de veículo pode ter índices de roubo diferentes de acordo com sua motorização. Nesse caso, optamos por adicioná-los na lista de forma separada, respeitando a classificação da Susep.

Veja, nas fotos a seguir, os carros com os maiores índices de roubo e furto do país entre os veículos mais vendidos de 2010 a 2014:

Tópicos: Carros, Autoindústria, Veículos, Carros 0K, Guia de Carros, Carros usados, Crime, Listas, Rankings, Renda pessoal, Roubos, Seguro de carros, Seguros de carros