Aguarde...

Tributos | 18/01/2013 15:13

Como pagar IPVA, licenciamento e DPVAT no Norte e Nordeste

Veja as datas e formas de pagamento do IPVA, do licenciamento e do DPVAT em todos os estados das duas regiões

Stock.xchng

Pilhas de moedas

Veja as informações para os seguintes estados: Acre, Alagoas, Amapá, Amazonas, Bahia, Ceará, Maranhão, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio, Grande do Norte, Rondônia, Roraima, Sergipe, Tocantins

São Paulo – Em reportagem anteriormente publicadaEXAME.com apurou as informações que você precisa saber sobre os principais valores devidos pelos proprietários de carros e moto - IPVA, o licenciamento anual e o seguro obrigatório (DPVAT) - nos estados das regiões Sul, Sudeste, Centro-Oeste e no Distrito Federal. Veja nesta segunda reportagem as informações sobre os estados do Norte e do Nordeste no país. 

As informações foram obtidas com os Detrans e Secretarias da Fazenda dos respectivos estados. Clique em cada estado e vá direto para a página com as informações que você precisa.

Acre
Alagoas
Amapá
Amazonas
Bahia
Ceará
Maranhão
Pará
Paraíba
Pernambuco
Piauí
Rio Grande do Norte
Rondônia
Roraima
Sergipe
Tocantins

IPVA: é um imposto estadual pago anualmente. Os valores devidos correspondem a uma porcentagem sobre o valor venal do carro, apurado anualmente pela Fipe (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas). O imposto varia, portanto, de acordo com o valor do carro e também com o local onde ele está registrado, já que as alíquotas do imposto são diferentes para cada estado. 

Licenciamento anual de veículos: deve ser realizado anualmente para a obtenção do Certificado de Registro e Licenciamento de Veículo (CRLV). A falta de licenciamento acarreta uma série de problemas para o condutor, como apreensão do veículo, multa e sete pontos na carteira (infração gravíssima). Para licenciar o carro é preciso pagar o IPVA, o seguro obrigatório e a taxa de licenciamento ao Detran do estado.

Seguro obrigatório (DPVAT): É cobrado também anualmente e tem o mesmo valor em todo o país. Para carros, o valor é de 105,65 reais e para motos, 292,01 reais. Por lei, o pagamento do seguro obrigatório deve coincidir com a quitação da primeira parcela ou da cota única do IPVA para veículos de passeio. E para motos, o pagamento deve ser feito também junto ao pagamento da cota única, da primeira parcela, mas também pode ser parcelado em três vezes, sendo que as parcelas devem ser pagas junto às parcelas do IPVA. 

Comentários (0)  

Editora Abril

Copyright © Editora Abril - Todos os direitos reservados