Falência em poucos anos

São Paulo - O que vem fácil vai fácil. Para muitos atletas profissionais, o popular ditado se confirma tão logo chega o momento de pendurar as chuteiras. Se a curta carreira esportiva pode render frutos generosos, os subsequentes anos de ostracismo mostram que os milhões acumulados não raro se transformam em pó.

Para se ter uma ideia, a associação dos jogadores da NBA divulgou em 2008 que 60% dos atletas profissionais de basquete vão à bancarrota depois de cinco anos como aposentados. Confira na lista seguinte, elaborada pela rede norte-americana CNBC, as figuras esportivas que ficaram de mãos abanando depois de desfrutarem de salários multimilionários, carros esportivos, mansões de cinema e viagens de luxo.

Tópicos: Falências, Luxo, Orçamento pessoal, Patrimônio pessoal