Corretora que mais acertou no primeiro semestre diz onde investir em 2011

Carteira recomendada pelo BB Investimentos subiu 4,9% no semestre em que o Ibovespa caiu 10%; confira os acertos e previsões da corretora para o segundo semestre

São Paulo – Lenta recuperação da economia norte-americana, aperto monetário na China e imbróglio fiscal na Zona do Euro. Aos eventos que derrubaram o humor do mercado nos primeiros seis meses do ano, se somaram catástrofes naturais e conflitos políticos pelo mundo. No Brasil, o resultado foi um desempenho desolador do Ibovespa. Influenciado também pela persistente inflação, o principal índice da Bolsa caiu 9,96%. Ainda assim, a equipe do BB Investimentos tem o que comemorar. Com valorização de 4,9% até agora, a carteira recomendada pela divisão de investimentos do Banco do Brasil mostrou-se a escolha mais rentável dentre os portfólios analisados por EXAME.com que marcaram presença em todos os meses do ano.


Para Hamilton Moreira, analista de mercados e macroeconomia da instituição, os próximos meses podem trazer resultados ainda mais positivos. Veja, a seguir, os principais pontos que explicam o porquê.

Escolhas que deram certo
Nossa carteira é de 30 dias, não sofre mudanças nesse meio tempo e tem como principal meta superar o Ibovespa. O lado fundamentalista prevalece – só colocamos papéis de setores que cobrimos. Mas também tentamos nos focar no momento do mercado. A Vale está entre as ações que mais entraram até agora. Também pegamos uma boa alta da Brasil Foods, inclusive retiramos o papel nesse mês. Apostamos em papéis de consumo, como Drogasil, Droga Raia e Natura, que compôs várias vezes a carteira. E ganhamos com a Vivo, com a história da fusão com a Telesp.

Timing para mudar
Começamos muito otimistas no ano, mas com o passar do tempo vimos problemas. Tínhamos a China aumentando o compulsório lentamente, mostrando que ia crescer menos. A partir daí estudamos o que poderia acontecer. Como isso afetaria o preço das commodities, a Bolsa também seria afetada e o setor de siderurgia sofreria mais. Por isso incluímos só mineração no portfólio.

Essa é a ideia da carteira: os Estados Unidos estão com desemprego em alta? Isso mexerá com quem? Até agora não havíamos colocado nenhuma ação do setor elétrico, que foi um setor que performou bem, pois estávamos sem analista. Mas com essa estratégia conseguimos bater o Ibovespa mesmo assim.

Perspectivas para o restante do ano
A Bolsa que estamos vendo hoje já precificou os próximos seis meses. A China realmente vai crescer menos e não há projeção de consumo mais forte nos EUA. Esperamos que o crescimento do PIB chinês fique mais perto de 9% e em torno de 2,5% nos EUA. Com qualquer coisa melhor que isso, a tendência é que a Bolsa suba mais um pouco. Com uma visão conservadora, esperamos um final do ano com 70.000 pontos, o que dá cerca de 10% de ganho em seis meses. Nesse caso, a Bolsa terminaria o ano um pouco em alta, preparando o terreno para 2012.

No último trimestre deste ano, o mercado já volta os olhos para as perspectivas para o ano que vem, com um crescimento do PIB de no mínimo 3% nos EUA e 10% na China. A siderurgia, que tem muito peso na Bolsa, passará a ser favorável nesse momento mais otimista, assim como a Petrobras. 

Essas ações que não nadaram agora, podem ficar positivas lá na frente. Se o cenário se reverter, são elas que vão puxar o Ibovespa até o final do ano. Você tem uma questão de aumento de liquidez no mundo que pode jogar a Bolsa para o alto, com o retorno do dinheiro para a renda variável.


Bancos
O setor bancário performa positivamente mesmo em momentos de crise. E o melhor trimestre dos bancos é sempre o último. Então quando chega setembro o mercado costuma se antecipar. É aí que também podemos entrar nesse setor. Já para este mês pensamos na estabilidade. Isso porque em agosto tudo para lá fora com as férias no hemisfério norte. E ninguém quer correr grandes riscos antes das férias.

Zona do Euro
Um default na Grécia seria uma coisa pontual. Quem manda no Banco Central Europeu é a Alemanha e a França e tudo vai ser feito para que nenhum país quebre e comprometa o euro. Então pode até haver um movimento pontual que leve a Bolsa para 50.000, 55.000 pontos. Mas depois ela irá voltar. Só China e EUA podem abalar com força o mercado.

É hora de comprar commodities?
Tentamos acompanhar o momento e o mercado ainda não acredita nisso. As ações estão baratas, mas nosso objetivo é bater o Ibovespa. Por isso vamos aguardar um pouco mais, não adianta antecipar esse movimento todo. Para alavancar nosso resultado lá na frente, vamos colocar esses papéis de volta no último trimestre do ano.

Pão de Açúcar
Não sabemos onde essa discussão vai parar. Tem o Cade, BNDES, briga com o Casino e o sócio principal dizendo que não quer a fusão com o Carrefour. Hoje o mercado está derrubando o papel, mas ele já subiu bem. Vemos um risco mercadológico muito grande e nós temos um perfil mais conservador. Já estamos em um mercado volátil, para que vamos correr mais riscos?

Inflação no Brasil
A inflação e a mexida nos juros já foram precificadas e não vão mudar o desempenho do Ibovespa. Com a subida da Selic houve migração da renda variável para a renda fixa. Essa é a coisa mais normal do mundo – e já está no preço das ações. Nos primeiros seis meses do ano, você olha muito para o que está acontecendo naquele ano e pode influenciar a Bolsa. A partir de julho, você olha já para o meio do ano seguinte. Por isso, o que você enxerga agora já é o ano que vem. Podem acontecer mudanças, mas o cenário macroeconômico já está sacramentado e não vai trazer grandes mudanças. O lado doméstico já foi todo incorporado. Acredito que se vier algum impacto ele será pequeno e mais para positivo. 

Confira a carteira recomendada pelo BB Investimentos para julho:

table.tableizer-table {border: 1px solid #CCC; font-family: Arial, Helvetica, sans-serif; font-size: 12px;} .tableizer-table td {padding: 4px; margin: 3px; border: 1px solid #ccc;}
.tableizer-table th {background-color: #104E8B; color: #FFF; font-weight: bold;}

Empresa Código Preço-alvo para dez. de 2011 (R$)
ALL ALL3 ND
Braskem BRKM5 ND
Cielo CIEL3 ND
Itaú Unibanco ITUB4 ND
JSL JSLG3 ND
Natura NATU3 ND
PDG Realty PDGR3 ND
Raia RAIA3 ND
Randon RAPT4 ND
Telefônica TLPP4 ND
Vale VALE5 ND