App mostra qual investimento de renda fixa é mais rentável

Ferramenta compara rendimentos de aplicações em renda fixa

São Paulo – O aplicativo Renda Fixa permite verificar em poucos cliques quais aplicações financeiras dentre as mais conservadoras oferecidas por diversas corretoras são as mais rentáveis.

A ferramenta, disponível gratuitamente para aparelhos móveis com sistema Android, iOS, Windows Phone e também pelo Facebook, compara títulos públicos, títulos bancários e cotas de fundos de investimento. Até o final do ano, o aplicativo também poderá ser utilizado pelo site.

As aplicações incluídas no app são oferecidas por 18 corretoras independentes ou ligadas a bancos. Entre elas estão a Intermedium, Sofisa, XP Investimentos, Rico, Órama, Ativa, Guide e Easynvest. O objetivo é incluir dados de mais corretoras ao longo do tempo.

A ferramenta inclui dados sobre dez tipos de investimentos: Certificado de Depósito Bancário (CDB), Letra de Crédito Imobiliário (LCI), Letra de Crédito do Agronegócio (LCA), Letras de Câmbio (LC), debêntures, Certificado de Recebíveis do Agronegócio (CRA), Certificado de Recebíveis Imobiliários (CRI), Fundo de Investimento em Direitos Creditórios (FIDC), Recibo de Depósito Bancário (RDB) e títulos públicos comercializados pela plataforma Tesouro Direto (veja quais são as sete maiores armadinhas dos investimentos de renda fixa).

Para investidores iniciantes, o aplicativo tem um menu explicativo sobre as características de cada aplicação.

Enquanto as informações sobre títulos públicos são atualizadas a cada minuto, dados sobre títulos privados e cotas de fundos são atualizados a cada cinco minutos.

A procura por investimentos no aplicativo pode ser filtrada por rendimento (taxa de retorno), data de vencimento, valor da aplicação e tipo de investimento.

O rendimento divulgado pelo aplicativo não considera o desconto do Imposto de Renda (IR), que incide sobre a maioria dos investimentos. Mas a partir do mês que vem a ferramenta também irá divulgar a rentabilidade líquida de cada aplicação, já com o desconto do IR. Bastará clicar em cada investimento para visualizar o dado.

Por enquanto, é necessário considerar a incidência do imposto ao comparar investimentos diferentes. Enquanto LCIs, LCAs, CRIs, CRAs e debêntures incentivadas são isentas de IR, os outros investimentos sofrem desconto da tabela regressiva do imposto no momento do resgate.

Na tabela regressiva, a alíquota do imposto que incide sobre aplicações de até 180 dias é de 22,5%. Esse valor diminui para 20% no caso de aplicações de 181 a 360 dias. Para investimentos com prazo de 361 a 720 dias, a alíquota cobrada é de 17,5%, enquanto para aplicações acima de 720 dias a alíquota é de 15%.

Ajuda

O usuário do app tem a opção de tirar dúvidas sobre os investimentos com agentes autônomos e planejadores financeiros certificados em um chat dentro do próprio aplicativo. Também é possível interagir com outros usuários da ferramenta pelo chat e também em um fórum incluído na ferramenta.