São Bernardo do Campo (SP) - Uma simples caminhada pela sede da EcoRodovias revela por que os funcionários mal podem esperar para desfrutar o horário do almoço. Escondido à margem da Rodovia dos Imigrantes, o prédio tem jardins verdejantes e uma tranquilidade de fazer inveja a quem está acostumado ao caos dos grandes centros empresariais urbanos.

Há até um viveiro de mudas de árvores que serão plantadas às margens das estradas — que funciona como um projeto de inclusão social. Não à toa, a qualidade de vida é um dos aspectos mais valorizados pelos jovens. De caminhadas ecológicas a programas que incentivam a prática de surfe, não faltam opções para quem quer cuidar da saúde mantendo o clima de harmonia com a natureza.

Dentro do escritório, a satisfação está na oportunidade de crescimento e aprendizado. Entre as iniciativas para capacitar os funcionários está o programa Academia do Conhecimento, em que os próprios funcionários compartilham suas habilidades em treinamentos oferecidos aos colegas.

“Se tem uma pessoa no departamento que entende muito de Excel, ela divide esse conhecimento na forma de um curso”, diz um funcionário. O apoio dos gestores ao desenvolvimento profissional é outro aspecto valorizado pelos jovens.

A empresa prepara seus líderes para prover o suporte necessário às equipes com o programa Leadership on Demand, que tem como objetivo desenvolver neles a capacidade de perceber os atributos requeridos de sua liderança por meio de uma autoavaliação e da interação com pares, subordinados, comunidade e clientes.

O avanço para certas posições se dá mediante a realização de provas, em que todos competem de igual para igual. Um aspecto a ser melhorado é a remuneração, que, para algumas funções, está abaixo da média de mercado, embora o pacote de benefícios seja considerado competitivo. 

Ponto(s) positivo(s) Ponto(s) negativo(s)
Os líderes apoiam os jovens no desenvolvimento profissional e no avanço para novas posições dentro da companhia, sempre considerando a qualidade de vida. Os funcionários sentem falta de um plano de carreira e salários mais estruturado e afirmam que os incentivos à educação formal poderiam ser mais abrangentes. 

Tópicos: Setor de transporte, EcoRodovias, Empresas abertas, Empresas, Melhores Empresas para Começar a Carreira, Carreira jovem, Mercado de trabalho