Barueri (SP)  - " Segure no corrimão!" Essa é a ordem que você ouve de qualquer funcionário da companhia química DuPont se, ao usar as escadas, desafiar uma de suas regras vigentes. Os princípios corporativos são tão presentes na rotina que ultrapassam os domínios do prédio — para seus empregados, os valores acabam se tornando um estilo de vida e eles levam para casa as sérias precauções com segurança e saúde que a empresa prega.

A DuPont oferece curso obrigatório de direção defensiva e exige checkups regulares de seus profissionais. O controle, no entanto, para nos cuidados com a saúde e a segurança. Quando o assunto é carreira, a companhia deixa claro que cada um é responsável por seus passos na organização. O que não significa, porém, que a empresa deixe todo mundo solto, sem diretrizes.

Há, sim, um estruturado suporte para que seu time possa se apoiar, o que rendeu à DuPont o destaque na categoria Carreira neste ano. Com base num acordo formal, por exemplo, líder e liderado estipulam objetivos de curto prazo — os quais devem ser alcançados no ano vigente — e de longo prazo, que preveem resultados entre cinco e dez anos.

Com um total de 622 promoções realizadas no ano passado, o planejamento de carreira na DuPont atende ainda a dois perfis diferentes de profissionais. Quem gosta de mobilidade pode contar com um recrutamento interno eficiente, que acontece a partir da divulgação das vagas e da indicação dos líderes, inclusive de outros países. Em 2011, 21 vagas foram preenchidas por esse canal e dez brasileiros foram expatriados.

Já quem pretende fazer carreira na mesma área pode se apoiar no Technical Career Path, o programa que foi lançado no ano passado e permite que o empregado se desenvolva até o chamado nível sênior, sem a obrigatoriedade de migrar para uma função gerencial. Para que toda essa engrenagem funcione, a DuPont investiu no ano passado mais de 2 milhões de reais em treinamento.

"Esperamos que o funcionário tenha postura ativa sobre seus caminhos", diz Claudia Pohlmann, diretora de RH. Ao que tudo indica, eles já aprenderam a andar sozinhos. "Você é quem faz sua carreira", resume um profissional do nível técnico.

PONTO(S) POSITIVO(S) PONTO(S) A MELHORAR
A estratégia eficiente de comunicação faz os funcionários se sentirem engajados e parceiros da liderança. Os gestores reclamam de uma grande pressão por redução de custo operacional e acreditam que a remuneração variável é pouco competitiva.

Tópicos: Empresas, DuPont, Empresas americanas, Melhores Empresas para Trabalhar, Química e petroquímica, Setores, Revista VOCÊ S/A