Blog do Management

19.03.2013 - 08h53

Geração Nem – Nem

Vocês já ouviram falar nisso? Confesso que até a semana passada eu não. A Geração Nem-Nem é composta de 8.800.000 jovens brasileiros entre 15 e 29 anos que não trabalham, não estudam e não procuram emprego. Estes dados foram publicados pelo Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (IPEA- fonte Folha Universal) e esta parcela já representa mais de 17% da população brasileira nesta faixa etária. A grosso modo poderíamos afirmar que a cada 7 jovens nesta faixa, 1 não estuda e nem trabalha. Fiquei estarrecido.

Como é que pode um número tão elevado de pessoas que simplesmente estão abdicando de ter um futuro promissor? O que eles pretendem da vida? De quem é a responsabilidade por esta falta de vontade? Por que isto acontece?

Enfim, comecei a pensar sobre o assunto e mais uma vez voltei ao que considero ser o grande problema do país e que precisa ser resolvido nos próximos 20 anos e não mais. Educação. Falta ao povo brasileiro Educação. Educação de qualidade.

O Brasil avançou muito é verdade, mas avançou em quantidade e muito pouco em qualidade. Atualmente vemos muita gente orgulhosa por cursar uma faculdade. É óbvio que isto é importante. Mas será que apenas estar numa faculdade basta? Alguém já parou para analisar a qualidade destas instituições? Sei que o tema já foi muito comentado, mas sempre se passa ao largo dele.

Imagina-se que apenas com uma maior quantidade de Universidades este problema poderia ser minimizado. Não acho que esteja ocorrendo isto.

O mercado de trabalho não consegue formar pessoas minimamente qualificadas. Faltam pessoas e sobram vagas em várias áreas. Não conseguimos formar pessoas simplesmente porque  o sistema não beneficia a quem nele trabalha. Fala sério! Se o seu filho falasse que o sonho dele era ser professor de história, geografia, física, o que você ia pensar? Vou ter que trabalhar muito para poder ajudá-lo (este seria o meu pensamento).

Precisamos urgentemente virar este jogo. Na minha opinião precisamos formar técnicos. Todos querem ir para a universidade e investem fortunas para saírem de lá com uma qualidade muito aquém do necessário. Não seria muito melhor, para as pessoas e para as empresas se formássemos técnicos verdadeiramente mais capacitados?

Estas pessoas que se enquadram na Geração Nem-Nem  devem ter procurado e muito uma posição de trabalho digna. Outros pensaram em encontrar uma escola que lhes gerasse uma boa oportunidade através de uma qualificação decente e condizente com a necessidade das empresas. Provavelmente não encontraram e cansaram.

Acredito que uma parcela deste número possa fazer parte da economia criativa e não estar propriamente parado, porém não consegui encontrar dados consistentes sobre o assunto.

A verdade é que este espaço é muito pequeno para esta discussão, de qualquer modo queria deixar aqui esta informação sobre a Geração Nem-Nem, que como eu mesmo afirmei, não conhecia. Algo precisa ser feito para que possamos mudar esta situação.  É preciso urgentemente que se faça uma revisão geral de todo o conteúdo aplicado nas escolas e universidades de modo que os mesmos se adequem a nova realidade do mundo em que vivemos. Num momento onde “tudo” se encontra na internet, não podemos acreditar que continuar a ensinar como fazíamos há 20 ou 30 anos possa dar algum resultado. Precisamos capacitar e reciclar nossos professores.

Se os alunos já não são os mesmos, as metodologias e os professores precisam acompanhar esta mudança. Só que eles precisam de incentivo. Muito incentivo.

Entendo que  só com uma profunda mudança de conceitos a respeito da Educação em nosso país é que conseguiremos reinserir estas pessoas para que possam ter esperança em procurar algo e realmente acreditem num futuro mais promissor. Adoraria ficar muito orgulhoso se minha filha quisesse ser professora. Vamos pensar no assunto? Não temos o direito de deixar tanta gente “de fora”.

 

Último comentário por mafer vieira : Boa tarde Airton. Realmente tenho que concordar com o que disse, o que falta no Brasil é educação. E não …

Comentários (2) 

  • Termo de uso | Comentários sujeitos a moderação
  • cicero freitas

    Também essas informações eu não as conhecia e cada vez temos informações de Institutos com opções de estudo a distancia, se no presencial já não é t...

  • mafer vieira

    Boa tarde Airton. Realmente tenho que concordar com o que disse, o que falta no Brasil é educação. E não só por parte da escola, em casa também está falt...

Expandir todos os 2
Editora Abril

Copyright © Editora Abril - Todos os direitos reservados