Redução de tarifa energética beneficia pequenos negócios

Empreendedores goianos devem reinvestir o dinheiro economizado no próprio negócio

Goiânia – Proprietários de micro e pequenas empresas – aquelas que faturam até R$ 3,6 milhões por ano – ouvidos pelo Sebrae em Goiás se mostraram satisfeitos com a redução das tarifas nas contas de energia elétrica. A medida do governo federal, que começou a vigorar no dia 24, poderá diminuir as contas de energia em até 32% para os empreendimentos.

Para o sócio-proprietário da Grafsafra, Eduardo Chaves, o desconto vai incentivar os empreendedores a ampliar cada vez mais o negócio. “Meus gastos com energia são elevados, chegando à média de R$ 2,5 mil por mês. Com as novas tarifas, economizarei cerca de R$ 800, ou seja, mais do que um salário mínimo mensalmente. Posso até contratar mais um funcionário para a gráfica.”

O presidente do Sebrae Nacional, Luiz Barretto, ressalta que “qualquer redução de custos é bem-vinda para incentivar o desenvolvimento dos negócios, ainda mais quando se trata de um item essencial, como energia elétrica”. Ele cita o caso das padarias – aproximadamente 63 mil estabelecimentos no país. “Estamos falando de uma economia anual de mais de R$ 1 bilhão somente nessa atividade.”

Para o proprietário da BrBlue Confecções, Cloves de Almeida, o impacto da redução da tarifa em sua empresa será menor, pois, segundo ele, os custos de mão de obra não se reduzirão. No entanto, o empreendedor acredita que a economia chegará ao fornecedor. “Nos últimos anos, está valendo a pena importar matéria-prima de fora do país. Porém, com o desconto na energia, o mercado nacional deve voltar a ser competitivo. Penso que, no segundo semestre, o consumidor já perceba os impactos positivos”.

Renato de Paiva, diretor-administrativo e financeiro do grupo Orlac Visão – formado por um laboratório, a rede de ópticas Orlex e a Orlac distribuidora de armações – o dinheiro que será economizado a partir da redução de custos com energia será reinvestido na empresa, na forma de treinamento para a equipe. “A capacitação de nossos funcionários é de extrema importância. Nesse ano de 2013, vamos ampliar nossas atividades, com mais palestras, cursos e oficinas.”