A startup QuintoAndar.com anunciou nesta semana o recebimento de 7 milhões de dólares em sua rodada de investimento “Série A”. O aporte foi liderado pela Kaszek Ventures, um dos mais tradicionais fundos de Venture Capital em operação na América Latina. Além da Kaszek, investidores-anjo conhecidos no mercado acompanharam o round.

Com sede em São Paulo, a startup é um marketplace de negócios imobiliários focado em locação de apartamentos residenciais. A plataforma usa tecnologia e design para conectar inquilinos e donos de imóveis de uma forma mais ágil, segura e simples.

“Alugar um imóvel tem sido um processo ineficiente para proprietários e inquilinos no Brasil e o QuintoAndar chega para resolver as principais frustrações desse mercado com inovação e tecnologia. Acreditamos na capacidade do time e estamos felizes com esta enorme oportunidade”, revela Nicolas Szekasy, sócio-fundador da Kaszek Ventures.

A startup foi fundada em 2013 a partir de experiências pessoais de seus fundadores, André Penha e Gabriel Braga (foto), atualmente CTO e CEO da empresa, respectivamente.

Ambos estudaram na Universidade de Stanford, na Califórnia, berço de empresas inovadoras do Vale do Silício. Lá, as discussões evoluíram para projetos acadêmicos que destrincharam os problemas do setor imobiliário brasileiro e criaram soluções que despertaram o interesse de amigos, investidores e especialistas do setor.

Seguro-fiança grátis

O QuintoAndar tem chamado a atenção do mercado desde que passou a bancar 100% do valor do seguro-fiança para todos os inquilinos que alugam um imóvel administrado por eles em São Paulo e Campinas.

A empresa paga todas as taxas que a seguradora cobra e o proprietário fica como segurado ao longo de todo o contrato de locação. A diferença para um seguro tradicional é que a startup paga o prêmio do seguro — ou seja, o valor que o inquilino pagaria se o contratasse diretamente.

“Acabamos com o drama de encontrar um fiador, emitir cheque-caução e pagar um seguro por fora. Estamos revolucionando o mercado imobiliário no Brasil”, reforça Braga.

O fundador esclarece que não é necessário repassar o custo do seguro para seus clientes. “Não temos aqueles gastos todos que as imobiliárias têm. Temos uma operação muito mais enxuta e escalável baseada na reinvenção de cada etapa do processo de locação com forte uso de tecnologia. Preferimos investir em coisas que geram benefícios concretos aos clientes como uma plataforma muito mais fácil de usar, fotos profissionais e seguro-fiança grátis em vez de gastar com lojas físicas caras, por exemplo”, garante.

Para o CEO, a motivação por trás do seguro-fiança grátis é o ganho de mais agilidade nas negociações de aluguel. “Sem fiador e com contratos padronizados, o processo anda muito mais rápido para o inquilino e o dono do imóvel tem a tranquilidade de saber que o dinheiro vai pingar na conta dele todo mês na data certa, não importa o que acontecer. Estamos reduzindo esse tempo de fechamento de contrato de semanas para dias. Conseguimos um ganho de dez vezes mais agilidade para os clientes e nossa produtividade interna”, explica.

O número de contratos que o QuintoAndar fecha tem crescido 30% ao mês. A empresa opera atualmente em duas cidades – São Paulo e Campinas – e em breve anunciará expansão para as principais capitais do país.

Tópicos: Mercado imobiliário, QuintoAndar, Startups, Venture capital