São Paulo - O site Nestoria, que agrega o conteúdo de vários portais de classificados de imóveis, chega ao Brasil, primeiro país dos BRICs a ganhar uma versão da ferramenta. Hoje, seis sites são parceiros do portal, que reúne 250 mil ofertas imobiliárias.

Segundo o desenvolvedor de negócios internacionais da empresa, Francesco Cardi, o mais difícil foi encontrar parceiros para o lançamento. “É um projeto inovador porque não existe outro player no país e levou um pouco de tempo para convencer os sites a compartilharem conosco a base de dados e pagar pelo tráfego gerado”, diz. Segundo o executivo, o portal deve crescer lentamente. “O nosso objetivo é conquistar 20% da audiência imobiliária online, que é bastante dinâmica. Isso deve levar de 2 a 3 anos”, afirma.

O buscador funciona da seguinte maneira: o usuário faz a busca por estado, cidade e características do imóvel e encontra resultados compatíveis. Ao clicar, ele é levado para um dos seis sites parceiros, no qual encontra mais detalhes. Além disso, o site usa a base do Google Maps e localiza pontos de interesse na região do imóvel, como transporte público, delegacias e área de lazer. “Temos um brasileiro em Londres que trabalha com a parte de tecnologia. Temos uma pessoa de cada país que estamos trabalhando com a gente”, conta Cardi.

O site é desenvolvido por 15 pessoas de oito nacionalidades, em Londres. “O fato de não ter ninguém trabalhando aqui no Brasil não quer dizer que a gente não esteja aqui. Isso é normal para qualquer empresa de internet que atua globalmente”, explica. O Nestoria tem páginas exclusivas em mais seis países: Reino Unido, Espanha, Itália, Alemanha, França e Austrália. Índia deve ser o próximo mercado de atuação da empresa, que tem 100 parceiros no mundo.

Criada no Reino Unido, em 2006, o Nestoria é comandando pela Lokku. A pequena empresa de internet foi fundada por dois ex-executivos do Yahoo, Javier Etxebeste e Ed Freyfogle, e tem o apoio de fundos de private equity ingleses e espanhóis.

Tópicos: Empreendedores, Imóveis, Pequenas empresas