São Paulo – A Shoes4you, startup que começou com a venda de sapatos em modelo de assinatura e depois passou a oferecer bolsas e óculos, está encerrando as operações. De acordo com Olivier Grinda, CEO da marca, a decisão foi tomada na primeira semana deste mês. “Foi uma decisão em conjunto, os investidores já sabem que operar no Brasil custa caro”, afirma.

Custos fixos altos para operar e a pouca margem dos produtos são as principais razões que levaram à decisão da empresa. “Pensamos que atingiríamos o lucro até o final desse ano, mas o problema é que descobrimos que o cliente dava um jeito de não pagar a assinatura. E, isso não estava previsto”, acrescenta Grinda. “Eu tenho um custo de aquisição por cliente que é alto, se os clientes não estão comprando, essa pequena margem ficava inviável”, explica.

O empreendedor explica que no Brasil, o modelo de assinaturas pode dar certo, mas para eles que atuavam no segmento de moda e sapatos não funcionou. “Acho que o mercado está um pouco inflado e o custo é muito alto”, diz. 

Fundada em 2011 por Grinda, Fabrice Grinda e Jose Martin, a startup recebeu investimentos da Accel Partners, Redpoint Ventures, Flybridge Capital Partners, IG Expansión e de Romero Rodrigues, CEO do Buscapé.

Para Grinda, agora o foco é vender e liquidar os produtos em estoque da melhor maneira e devolver o máximo de dinheiro para os investidores. “Vou continuar a empreender e abrir novas empresas”, completa. A startup encerrou 2012 com faturamento de 5,5 milhões de reais, 15 mil assinantes e 1 milhão de pessoas cadastradas. 

As assinantes da Shoes4you não serão cobradas a partir do mês que vem e os clientes que comprarem no site não vão entrar no sistema de assinaturas. De acordo com Grinda, o SAC continuará funcionando para resolver eventuais dúvidas.

*Matéria atualizada às 15h20

Tópicos: Empreendedorismo, Pequenas empresas, Empreendedores, Startups