Aguarde...

Finanças | 26/04/2011 17:50

Como elaborar uma boa proposta comercial?

Conheça os cuidados básicos que devem ser tomados na hora de elaborar uma boa proposta comercial

Editado por Daniela Moreira, de

Stock.xchng

Mão segurando caneta

Como elaborar uma boa proposta comercial?
Respondido por Márcio Iavelberg, especialista em finanças

Elaborar uma proposta comercial assertiva requer alguns cuidados básicos. O mais importante deles é conseguir escutar o que cliente deseja. Em geral, o vendedor quer oferecer o que sabe fazer de melhor. Mas, nem sempre, isso é o que o cliente precisa.

Isso não significa que a empresa deve esconder aquilo que pode oferecer. Produtos e serviços complementares ao que o cliente procura podem ser sugeridos. Muitas vezes a empresa deixa de vender simplesmente porque o cliente nem sabia que ela também podería fazer isso ou aquilo.

O segundo passo é montar uma proposta bem organizada, simples e que vá direto ao ponto. A proposta tem que ter, no mínimo, um toque profissional. Isso já agrada quem está lendo.

Uma questão tão importante quanto acertar no conteúdo é conseguir cobrar o valor correto - sem exagerar nas “gordurinhas”, pois isso pode reduzir a competitividade, nem esquecer de incluir todas as despesas, impostos e, ainda, o lucro desejado.

Prestadores de serviço, em geral, pecam no tempo de execução prometido. É preciso ter cuidado, pois se o projeto gastar mais tempo do que o programado, o cliente trará rentabilidade menor que a prevista para a empresa. Por outro lado, exagerar na carga horária pode tornar o projeto "pesado" demais para o cliente.
 

Márcio Iavelberg, especialista em finanças

 

Márcio Iavelberg é sócio da Blue Numbers Consultoria Empresarial, especializada em PMEs. É administrador, com MBA em Finanças e especialização em Direito Tributário.

Envie suas dúvidas sobre finanças para examecanalpme@abril.com.br.

 


Comentários (0)  

Editora Abril

Copyright © Editora Abril - Todos os direitos reservados