São Paulo – O dia a dia de um dono de pequena empresa ou startup é corrido e repleto de demandas operacionais que ele precisa acompanhar. Entretanto, se ele deseja que sua empresa cresça é necessário planejar. Por isso, EXAME.com reuniu algumas recomendações de especialistas para ajudar nesta tarefa.

1. Pense no futuro

Para que o negócio cresça, é preciso de dinheiro e mão de obra de qualidade. Além disso, acompanhar as tendências do mercado e avaliar como os concorrentes estão mudando são maneiras de planejar a própria empresa. Empreendedores também deveriam conversar mais com os clientes, pois eles podem dar pistas de mudanças de atitudes que podem influenciar as vendas. 

2. Estabeleça um objetivo

Descobrir qual é o seu objetivo é o primeiro passo para quem deseja planejar o crescimento estratégico da empresa. "O ponto de partida será definir a missão, visão e valores da empresa", afirma Cynthia Serva, coordenadora e professora do Centro de Empreendedorismo do Insper. Fazer um diagnóstico do mercado, descobrir seus pontos fortes e fracos e construir um plano de ação são outras atitudes necessárias neste processo. 

3. Avalie cada passo estrategicamente

Antes de tomar uma decisão, coloque no papel todas as vantagens e desvantagens para o seu negócio. Devem ser avaliados os recursos que sua empresa dispõe para trabalhar com um novo serviço ou produto, por exemplo. Além disso, o empreendedor não pode deixar de ficar atento ao mercado externo e acompanhar os concorrentes. 

4. Evite deixar para última hora

Não é possível planejar as vendas, as finanças e o marketing do negócio da noite para o dia. Para fazer o planejamento financeiro deste ano, por exemplo, é importante estar vários passos à frente. No caso de marketing, mesmo com pouco recurso é possível investir em ações para promover a marca com planejamento. 

5. Não fique desmotivado

A motivação tem que fazer parte do espírito de qualquer empreendedor. Por isso, celebrar e dar feedback são atitudes indispensáveis para que o planejamento dê certo. "Comunique-se com muita transparência para que todos saibam o que está acontecendo com a empresa”, recomenda Marcelo Sinelli, consultor do Sebrae-SP. Metas não podem ser encaradas como um fardo e sim como um desafio.

6. Cumpra as metas estabelecidas

Manter a equipe motivada e disposta a cumprir o que está no planejamento é essencial para que um planejamento dê certo. O empresário não deve só informar quais são os objetivos de cada um, mas sim ajudar a reunir o que é necessário para que as ações sejam realizadas. 

Tópicos: Dicas de Gestão de PME, Dicas para seu negócio, Pequenas empresas, Planejamento, Gestão