A hora do Brasil

São Paulo – Crescimento econômico e efervescência do consumo entre novos segmento da população. Esses são os dois principais fatores que vêm motivando empresas estrangeiras a investir no Brasil, principalmente no varejo.

Todo mundo quer levar um pedaço deste mercado que deve continuar crescendo ininterruptamente por pelo mais cinco anos, de acordo com a previsão de especialistas. “O mercado brasileiro representa uma importante oportunidade para as redes de franquias se expandirem e consolidarem suas marcas entre um público que, aos poucos, está sofisticando seus interesses e gostos”, opina o cônsul americano Scott Shaw, responsável pela intermediação entre o mercado nacional e as redes dos Estados Unidos.

A corrida para ocupar o mercado brasileiro tem a ver também com a pequena quantidade de redes internacionais que até agora fincaram bandeira por aqui. Segundo a Associação Brasileira de Franchising (ABF), só 7% das 1.855 redes que atuam no Brasil são estrangeiras. “Essas redes querem estar em um dos cinco melhores mercados do mundo, com economia em franco desenvolvimento, política estável e poucas marcas internacionais”, explica Paulo Mauro César, da Global Franchise.

Conheça, a seguir, as redes que estão se preparando para invadir o território nacional.

Tópicos: Dados de Brasil, América Latina, Estados Unidos, Países ricos, Europa, Franquias