Dicas práticas de como construir uma marca forte
Escrito por Mônica Lobenschuss, especialista em marketing digital

No mundo corporativo, a marca é o maior patrimônio que o empreendedor pode ter e, com certeza, esse investimento poderá render acima de qualquer aplicação financeira. É só ver o caso das marcas mais valiosas do mundo, como a Apple, estimada em 246,9 bilhões de dólares, e o Google, avaliado em 173,6 bilhões de dólares. E aqui estamos falando de duas empresas com histórias bem diferentes, sendo uma com décadas de mercado e a outra, com metade desse tempo.

E o que as duas têm em comum e que traz um grande aprendizado para empreendedores de qualquer segmento? Confira abaixo nas dez dicas para valorizar uma marca e torná-la forte, que separamos especialmente para você.

1 – Seriedade e segurança: entregar o que foi contratado, no prazo combinado, pelo preço justo, com pós-venda e suporte para qualquer problema.

2 – Qualidade: dentro da proposta do produto ou serviço, buscar continuamente o melhor projeto, para oferecer excelência sempre; pesquisar novos fornecedores, investir em Pesquisa & Desenvolvimento ou, então, apenas conhecer experiências de outras empresas que possam agregar aprendizado.

3 - Comprometimento em entregar a melhor experiência aos clientes: desde o primeiro contato, pessoalmente, por telefone, e-mail ou pelo site, que o cliente perceba a atenção da marca, o cuidado com as instalações, processos e embalagens, e sinta que ele é especial para a empresa.

4 – Inovação: para oferecer produtos e serviços mais avançados e também para criar e atender demandas que ainda nem existam (quem sabia que precisava de um iPad antes de ter sido lançado?).

5 – Marketing, para transformar momentos rotineiros em verdadeiros marcos: Você já ouviu que “a propaganda é a alma do negócio”, não é verdade? Então, faça uma grande comunicação e até eventos para contar as novidades de seus produtos e serviços! Assim, o movimento da sua empresa será percebido e poderá ser relevante para os consumidores.

6- Padronização visual: cuide do visual de sua marca. Essa identidade precisa ser aplicada sempre do mesmo jeito, com as mesmas cores, sem distorções e sem mudanças para que seja reconhecida. A padronização visual precisa estar nos produtos, embalagens, placas, impressos, uniformes, redes sociais, site e todos os pontos de contato com os públicos de interesse.

7 – Campanhas: faça comunicados, posts, cartazes, panfletos, campanhas de e-mail marketing e outras ações para manter os seus clientes informados sobre as melhorias de sua empresa, novos equipamentos, casos de sucesso, lançamentos, novos colaboradores e participação em feiras e outros eventos, por exemplo.

8 – Forte uso das redes sociais: a forma mais direta e rápida de atingir o seu público é por meio das redes sociais! Invista um pouco de tempo e energia nesses canais para ativar a sua marca e cuidar da presença digital dela. Isso deve ser uma rotina diária para a sua empresa.

9 – Diferenciação da concorrência: mostre em que o seu produto ou serviço é melhor ou diferente que o da concorrência! Acentue as vantagens e o valor agregado!

10 – Fazer a diferença para as pessoas e a sociedade: as marcas mais valiosas do mundo fazem a diferença, todos os dias, para as pessoas. Pesquise mais e veja como a sua empresa e as pessoas da sua equipe podem ajudar mais pessoas!

Agora que você já sabe o que fazer, que tal começar com um check list das ações que já realiza e das próximas a colocar em prática? Um planejamento simples, para cumprir uma ação de cada vez, fará a sua empresa chegar lá! Bons negócios e muito sucesso!

Mônica Lobenschuss é fundadora da franquia de mídias sociais Social Lounge.

Envie suas dúvidas sobre marketing e redes sociais para pme-exame@abril.com.br.

Tópicos: Dicas de Empreendedorismo , Dicas para seu negócio, Empreendedores, Marcas, Marketing