É possível conseguir investimento apenas com uma boa ideia?

Geralmente, os investidores buscam mais do que uma ideia, diz especialista

É possível conseguir investimento apenas com uma boa ideia?
Respondido por Yuri Gitahy, especialista em startups

Ideias boas aparecem o tempo todo e alguns investidores podem, sim, apostar somente em uma ideia. Mesmo assim, é preciso mais que isso para atrair investimento.

Antes de tudo, o investidor irá avaliar o empreendedor. Ele já criou outras startups antes? O que aprendeu com elas? Ele obteve sucesso com sua última empresa? Essa ideia é somente uma oportunidade nova ou ele irá abandonar tudo para torná-la seu próximo projeto?

Após isso, avalia-se a oportunidade que essa ideia explora. Trata-se de um diferencial claro frente a competidores? Qual o potencial de inovação? O mercado que este produto ou serviço aborda é grande ou suficiente para ter muito retorno?

Após entender melhor a ideia e as informações relevantes, o investidor irá tentar entender como ela se encaixa no seu portfolio ou tese de investimento. Ela complementa alguma empresa já investida? Ela é um concorrente que pode ameaçar uma investida no futuro? Faz sentido para sua estratégia como investidor?

Essas são apenas algumas das perguntas que um investidor faz ao empreendedor – ou a si mesmo – para avaliar uma ideia. Além de o empreendedor ter muito pouco tempo da atenção do investidor, é preciso provar que a ideia vem acompanhada de um ótimo empreendedor e time, de um mercado promissor e de diferenciais que mostrem grande retorno financeiro no futuro. Em outras palavras, nunca se investe somente em uma ideia.

O que é uma startup?

 

Yuri Gitahy é investidor-anjo, conselheiro de empresas de tecnologia e fundador da Aceleradora, que apoia startups com gestão e capital semente

Envie suas dúvidas sobre startups para examecanalpme@abril.com.br.