App que agenda serviços de beleza recebe aporte de R$ 57 mi

A Vaniday pretende tornar a conexão entre salões e clientes mais eficiente. O negócio acaba de receber 15 milhões de euros da Rocket Internet, sua incubadora

São Paulo – A Vaniday, aplicativo que permite encontrar e agendar serviços de beleza e bem-estar, recebeu um aporte no valor de 15 milhões de euros (cerca de 57 milhões de reais, pela cotação atual).

O investimento foi feito pela alemã Rocket Internet, que tem no portfólio de aportes companhias como Dafiti e Easy Taxi, e também por investidores anônimos.

Segundo Cristiano Soares, co-fundador e CEO brasileiro da Vaniday, o aplicativo começou a partir de outro projeto. Soares havia elaborado no final de 2014 uma ferramenta similar ao que é a Vaniday hoje. Em janeiro deste ano, essa plataforma já tinha mais de 10 mil downloads.

O empreendedor acabou sabendo que a Rocket Internet procurava investir no mesmo ramo do seu serviço. “A Rocket absorveu o aplicativo e também o meu time. Incubando o projeto, ofereceu a estrutura inicial, apoio jurídico e de RH, além de um aporte inicial”, conta o CEO, que não releva o valor desse primeiro investimento.

A Vaniday teve seu lançamento no dia 29 de março deste ano, no Brasil. A escolha pelo país se deu por duas razões, diz Soares: a primeira é que o Brasil é o terceiro maior mercado de beleza do mundo, atrás apenas dos Estados Unidos e do Japão. A outra razão é que o ramo de salões ainda é muito offline. “Queremos aproximar esses estabelecimentos dos consumidores de uma forma mais eficiente. Hoje, é muito difícil fugir de participação digital”, diz Soares.

O CEO conta que esse segundo investimento da Rocket, contando com o necessário para deslanchar a Vaniday, é um marco muito importante. “Em cinco meses de operação, é um sinal de reconhecimento e de aceitação por parte do mercado”.

Além do Brasil, a Vaniday está também nos Emirados Árabes Unidos, na França, na Itália e no Reino Unido. No Brasil, o aplicativo se encontra apenas em São Paulo, com 400 estabelecimentos online na plataforma e outros 200 em contrato.

Funcionamento

No início, o foco era em profissionais independentes, mas depois a empresa se voltou aos salões. “Beleza não é apenas o serviço em si, mas uma experiência que envolve tanto o profissional quanto o ambiente. Queremos oferecer essa sensação completa”, diz Soares.

Quando um salão se cadastra no aplicativo, a Vaniday oferece gratuitamente uma assessoria para montar o perfil do estabelecimento e para fazer uma divulgação do salão, tirando fotos profissionais e incluindo uma descrição dos serviços. Se o trabalho da Vaniday gera um novo atendimento no salão, aí sim uma comissão de 20% sobre o serviço é cobrada pelo app.

“Acho que estamos ajudando os negócios a passarem pela crise. No momento em que eles mais precisam, em que as pessoas reduzem suas visitas, conseguimos suprir horários vazios pela divulgação na plataforma. Preenchemos as lacunas, principalmente nos dias de semana”, diz Soares.

Aporte

Para o CEO, o que mais atraiu os investidores foi o potencial da equipe. “Conseguimos construir e oferecer resultados rapidamente. Esse esforço de trabalho em equipe, todos apaixonados, fez com que conseguíssemos um dos maiores aportes da história da internet”.

Os 15 milhões de euros serão usados principalmente para expandir a atuação do aplicativo para outras localidades e também para aumentar a operação de marketing e de tecnologia. Dentro do país, a ideia é chegar a estados como Minas Gerais e Rio de Janeiro. “Esperamos realmente expandir, melhorar a experiência do usuário, conseguir alcançar novas regiões, alcançar mais pessoas. Com um investimento maior, conseguimos acelerar o processo”.