X-Men: First Class tira nota “C” em bilheteria na estreia

Receita gerada pelo filme fica abaixo do esperado nos Estados Unidos, mas não indica um desastre

São Paulo – Apontado como um dos principais lançamentos do ano, X-Men: First Class estreou com uma bilheteria menor que a esperada nos Estados Unidos: 56 milhões de dólares.

Para os observadores, na prática, isso equivale a uma nota “C” para o primeiro fim de semana: nem tão a ruim a ponto de ser um desastre, nem tão bom que mereça uma medalha. Dá apenas para passar.

Na semana anterior à estreia mundial, por exemplo, o Exhibitor Relations, uma publicação especializada em cinema, projetou que o filme faria 68 milhões de dólares em seu primeiro fim de semana nos cinemas americanos.

Os números, porém, ficaram abaixo inclusive da estreia anterior da franquia: X-Men: Wolverine, de 2009. O filme que conta as origens de um dos personagens mais famosos dos heróis mutantes arrecadou 85 milhões de dólares em seu primeiro fim de semana.

Suspense

O desempenho já leva desperta apreensão entre os especialistas em cinema. Alguns afirmam que uma estreia aquém das expectativas não é, necessariamente, um atestado de morte para um filme.

Entre os exemplos, estariam “Como treinar seu dragão”, a animação da DreamWorks lançada no ano passado. Seu primeiro fim de semana arrecadou apenas 10 milhões de dólares nas bilheterias americanas e o filme parecia caminhar para o fiasco.

Aos poucos, porém, a propaganda boca-a-boca e a boa recepção da crítica sustentaram o filme, que acabou arrecadando 500 milhões de dólares em todo o mundo, sendo 217 milhões nos Estados Unidos – o que o colocou na nona posição no ranking das maiores bilheterias de do país em 2010.

X-Men: First Class contém elementos que podem melhorar seu desempenhos nas próximas semanas, segundo parte dos observados. O enredo sobre as origens de alguns dos principais personagens – o telepata Professor Charles Xavier e seu ex-amigo Magneto – foi elogiado.

Os críticos deram notas A para o enredo, a direção e a consistência dos personagens – componentes que podem animar os expectadores. Mas X-Men: First Class ainda precisa melhorar a nota em bilheteria. Se vai conseguir, só as próximas semanas mostrarão.