UE deve impor multa antitruste recorde ao Google

Penalidade deve superar o recorde anterior de 1,06 bilhão de euros (US$ 1,18 bilhão) imposto à Intel em 2009 por abusar de seu domínio em um mercado

Bruxelas – O órgão antitruste da União Europeia deve impor nas próximas semanas uma multa recorde contra a Alphabet, controladora do Google, por manipular resultados de buscas a favor de seu próprio serviço de comparação de preços, segundo fontes próximas ao assunto.

A penalidade deve superar o recorde anterior imposto a uma companhia por abusar de seu domínio em um mercado: 1,06 bilhão de euros (US$ 1,18 bilhão) contra a Intel em 2009.

A multa poderia chegar a 10% da receita anual da companhia, que ficou em US$ 90,27 bilhões no ano passado. Além disso, a decisão da Comissão Europeia deve incluir consequências duras para a companhia, como não apenas mudanças nas práticas de negócios da gigante do setor de tecnologia em seu serviço de compras, mas também em outros. A decisão da UE também poderia reforçar litígios privados que buscam indenização em tribunais nacionais por prejuízos.

A UE deve exigir que o Google trate seu próprio serviço de compras da mesma maneira que os de concorrentes. A companhia já argumentou que isso apenas daria visibilidade a sites que são menos úteis para os consumidores. Fonte: Dow Jones Newswires.