Dólar R$ 3,27 -0,31%
Euro R$ 3,66 0,08%
SELIC 11,25% ao ano
Ibovespa 1,60% 62.662 pts
Pontos 62.662
Variação 1,60%
Maior Alta 9,53% JBSS3
Maior Baixa -1,42% EMBR3
Última atualização 23/05/2017 - 17:20 FONTE

Tripulantes da American dizem que novo uniforme causa doenças

Novos uniformes causaram dor de cabeça, irritação na pele e outros problemas de saúde desde sua introdução

Os comissários de bordo da American Airlines apresentaram uma queixa à empresa aérea contra os novos uniformes que, segundo eles, causaram dor de cabeça, irritação na pele e outros problemas de saúde desde sua introdução, em setembro.

A companhia aérea deve deixar de entregar os conjuntos ou permitir que os trabalhadores vistam seus uniformes anteriores, disse Bob Ross, presidente da Associação de Comissários de Bordo Profissionais, em carta ao conselho geral da American.

O conflito na American, a maior empresa aérea com sede nos EUA em tráfego, é pelo menos a segunda vez que a fornecedora Twin Hill gera fúria em uma empresa aérea. Alguns comissários de bordo da Alaska Air Group reclamaram, anos atrás, das reações adversas de seus uniformes.

O sindicato que representa os funcionários da American pediu que a empresa aérea reembolse os comissários de bordo por qualquer custo relacionado a tratamentos de saúde e que separe US$ 2 milhões para financiar um estudo sobre os uniformes.

“Esses uniformes continuam colocando nossos membros em risco, forçando-os a utilizar licença de saúde e afetando sua saúde de uma forma geral”, escreveu Ross na carta de quarta-feira. Os comissários de bordo reportaram problemas endócrinos, dificuldade respiratória, fadiga, vertigens e outras condições após usarem os uniformes, escreveu ele.

A American Airlines testou os uniformes três vezes e realizará um quarto exame junto com o sindicato, afirmou o porta-voz Ron DeFeo. A empresa aérea também criou um call center para queixas e cerca de 300 comissários reportaram que tiveram problemas, disse ele. A empresa aérea com sede em Fort Worth, no Texas, EUA, cobrirá o custo dos exames dermatológicos desses funcionários e responderá a carta do sindicato em 20 dias.

A American lançou novos uniformes para 26.000 comissários de bordo entre os novos conjuntos para cerca de 70.000 funcionários de toda a companhia, disse ele.

Fornecedor antigo

A Twin Hill, uma unidade da Tailored Brands, com sede em Houston, ËUA, é fornecedora da US Airways, parceira de fusão da American Airlines, há 10 anos e tem capacidade para administrar uma encomenda grande, disse DeFeo. Os uniformes dos funcionários da American contabilizam mais de 2 milhões de peças, contando vários conjuntos para cada trabalhador.

Após as queixas na Alaska, a empresa aérea ofereceu peças alternativas aos funcionários, segundo a porta-voz da empresa, Halley Knigge. A companhia trocou de fornecedor em 2013. Um grupo de comissários de bordo da empresa aérea processou a Twin Hill na Califórnia, sem sucesso.

Um porta-voz da Tailored Brands, que também opera as redes Jos. A. Bank e Men’s Wearhouse, não quis comentar imediatamente.