Toyota prevê recorde de vendas em 2012 após desastres naturais

A montadora superou a GM em 2008 como a que mais vendia carros no mundo, mas perdeu o posto este ano após interrupções no abastecimento após terremoto e tsunami no Japão

Tóquio – A Toyota projetou nesta quinta-feira um salto de 20 por cento nas vendas mundiais, para 8,48 milhões de veículos em 2012, na medida em que se recupera das perdas na produção causadas por desastres naturais no Japão e na Tailândia.

A montadora superou a General Motors em 2008 como a que mais vendia carros no mundo, mas perdeu o posto este ano por causa das interrupções na cadeia de abastecimento após terremoto e tsunami no Japão em março e por cortes na produção em todo o mundo decorrentes de enchentes na Tailândia.

Com vendas estimadas neste ano em 7,90 milhões de veículos para o grupo, que inclui as unidades Daihatsu Motor e Hino Motors, a Toyota ficará em terceiro lugar, depois de GM e Volkswagen.

A Toyota pode voltar ao topo no próximo ano porque vem criando estoques para atender à crescente demanda e aumentando a capacidade de produção na China e no Brasil, entre outros países. GM e Volkswagen não revelaram as metas de vendas para 2012, e a Toyota não divulgou as previsões para o grupo.

“Eles perderam vendas este ano porque não puderam produzir. Agora eles podem. É possível que recuperem o topo”, disse o analista Satoru Takada, da T.I.W.


O plano da Toyota para 2012 supera o recorde de 8,43 milhões de veículos vendidos em 2007.

“Acho que essa meta é atingível porque a Toyota está rapidamente recuperando a produção e lançando modelos”, disse o analista Lee Hyun-soo, da sul-coreana Kiwoom Securities.

A Toyota planeja vender metade de seus veículos nos mercados emergentes até 2015, mais do que os cerca de 40 por cento atuais.

A montadora também anunciou planos de vender 8,95 milhões de veículos Toyota, Lexus e Scion em 2013 e fabricar 8,98 milhões de veículos. A companhia não forneceu previsões regionais para fora do Japão, onde planeja fabricar 3,40 milhões de veículos e vender 1,53 milhão de unidades em 2012.