Telefónica quer negociar parte da Telxius e O2 UK

A oferta de ações da filial Telxius "será de ao menos 25%" do capital, mas Telefónica "conservará a condição de acionista majoritário"

O grupo espanhol Telefónica anunciou nesta segunda-feira a intenção de negociar ao menos 25% de sua filial Telxius e uma parte da britânica O2, operações que permitiriam reduzir sua dívida.

A oferta de ações da filial Telxius, especializada nas infraestruturas de telecomunicações – sobretudo torres e caos submarinos – “será de ao menos 25%” do capital, mas Telefónica “conservará a condição de acionista majoritário”, informou o grupo espanhol.

Caso as autoridades de regulamentação autorizem, a operação acontecerá até o fim do ano.

O grupo não revelou valores sobre a operação.

De acordo com o jornal espanhol Expansión, a operação poderia gerar entre 1,5 e 2,5 bilhões de euros (entre 1,7 e 2,8 bilhões de dólares) e afetaria 40% da filial.

O anúncio sobre a O2 acontece depois do fracasso, em maio, da venda desta filial para o conglomerado de Hong Kong Hutchison Whampoa. A Comissão Europeia vetou a transação pode temer o aumento das tarifas para os consumidores no Reino Unido.

A Telefónica está finalizando os preparativos para uma possível oferta de venda das ações da O2, segundo o comunicado. O presidente executivo do grupo, José María Álvarez-Pallete, citado pela agência Bloomberg, disse que a operação pode acontecer até o fim do ano.

A dívida líquida do grupo, que está entre as cinco maiores operadoras de telecomunicações do mundo, era de 52,57 bilhões de euros (58,6 bilhões de dólares) no final de junho.