Rolls-Royce acerta pagar US$809 mi em acordos por corrupção

A empresa britânica obteve acordos com governos de Grã-Bretanha, Estados Unidos e Brasil ligados a casos de suborno e corrupção

A empresa britânica de engenharia Rolls-Royce disse nesta segunda-feira que obteve acordos com governos de Grã-Bretanha, Estados Unidos e Brasil ligados a casos de suborno e corrupção envolvendo intermediários, o que resultaria em vário pagamentos somando 671 milhões de libras (809 milhões de dólares).

A fabricante de motores para jatos militares, navios e submarinos de propulsão nuclear vai pagar cerca de 293 milhões de libras no primeiro ano, disse a Rolls-Royce em comunicado.

O acordo com o Ministério Público Federal brasileiro prevê o pagamento de um total de 25,58 milhões de dólares, e com o Departamento de Justiça dos EUA, de 170 milhões de dólares.

O acerto com a Grã-Bretanha prevê pagamento de 497,3 milhões de libras mais juros, segundo um cronograma de até cinco anos.

“Os acordos dizem respeito a subornos e corrupção envolvendo intermediários em vários mercados estrangeiros”,disse a empresa.

“Trata-se de acordos voluntários que resultam na suspensão de um processo, desde que a empresa cumpra certos requisitos, incluindo o pagamento de uma sanção pecuniária.”