Renault quer ganhar o mercado brasileiro com 3 novas SUVs

De acordo com a empresa, a participação de mercado desse tipo de carro quase dobrou no país nos últimos dois anos, pulando de 8% do total de vendas para 15%

São Paulo – Boa parte da estratégia da Renault para conquistar os clientes brasileiros está concentrada na categoria SUV. Três novos modelos do nicho foram anunciados para o país nesta terça-feira (8) durante coletiva de imprensa no Salão Internacional do Automóvel de São Paulo.

O primeiro deles é a Captur, que já começou a ser produzida na fábrica da montadora em Curitiba, no Paraná, e deve chegar ao mercado em fevereiro de 2017. A pré-venda, porém, já começou.

Os outros dois são a SUV grande Koleos e a compacta Kwid, que também serão lançados no Brasil no próximo ano.

De acordo com a empresa, a participação de mercado desse tipo de carro praticamente dobrou por aqui nos últimos dois anos, passando de 8% do total de exemplares comercializados para 15%.

“Esses anúncios marcam uma ofensiva da Renault no mundo SUV”, disse o presidente da Renault para as Américas, Olivier Murguet.

Outra grande aposta da companhia para o Brasil são os dois novos motores 1.0 SCe, de três cilindros, e 1.6 SCe, de quatro cilindros, ambos já em produção em Curitiba e que chegam ao mercado no fim do mês.

Eles contam com um dispositivo que controla o gasto de combustível de forma mais inteligente, segundo a companhia.

“Essa é mais uma inovação que desenvolvemos na Fórmula 1 e levamos para os nossos produtos”, contou Fabrice Cambolive, presidente da Renault no Brasil.

Segundo ele, a participação de mercado da montadora francesa no país pulou de 5% em 2010 para 7,5% neste ano.

Comentários

Não é mais possível comentar nessa página.

  1. Chamar o Kwid de SUV é SACANAGEM! Daqui a vão pegar o Palio, colocar umas rodinhas aro 17, elevar 2cm a suspensão e vai virar SUV também.