Prejuízo líquido da PDG cresce 153,9% no 1º trimestre

A PDG Realty registrou prejuízo líquido de R$ 410 milhões no primeiro trimestre de 2016

São Paulo – A PDG Realty registrou prejuízo líquido de R$ 410 milhões no primeiro trimestre de 2016, mais que o dobro ou 153,9% acima da perda de R$ 162 milhões em igual trimestre de 2015, mas valor bem menor que a prejuízo de R$ 1,969 bilhão dos três meses finais do ano passado.

O Ebitda (resultado antes de juros, impostos, depreciação e amortização) fechou os três meses iniciais do ano com valor negativo em R$ 156,324 milhões, revertendo o resultado positivo de R$ 47,650 milhões em igual intervalo do ano passado. No trimestre imediatamente anterior, foi relatado Ebitda negativo de R$ 1,491 bilhão.

A margem Ebitda ficou em -111,8% no começo de 2016, contra valor positivo de 7,2% no igual intervalo do ano passado.

A receita operacional líquida da PDG somou R$ 140 milhões no primeiro trimestre de 2016, queda de 78,8% ante R$ 661 milhões de um ano antes. Na comparação com os três meses imediatamente anteriores, houve alta de 7,4%.