Pilgrim’s Pride reverte prejuízo no 2º trimestre

Processadora teve lucro líquido de US$ 69,4 milhões, ou US$ 0,27 por ação

Nova York – A processadora de frangos norte-americana Pilgrim’s Pride informou nesta sexta-feira lucro líquido de US$ 69,4 milhões, ou 27 centavos de dólar por ação, no segundo trimestre. Em igual período do ano passado, a companhia teve prejuízo de US$ 128,1 milhões.

Segundo a empresa, o lucro se deve à redução de despesas e ao aumento das vendas, que cresceram 2,7% no segundo trimestre, para US$ 1,97 bilhão. A recuperação dos preços do frango e os custos menores da ração no período também contribuíram para o resultado.

Analistas esperavam, no entanto, lucros de 28 centavos por ação e receita de US$ 2,04 bilhões.

“Haverá desafios para a indústria no segundo semestre de 2012, principalmente por conta da volatilidade dos mercados de grãos usados na fabricação de ração e da redução de gastos por parte dos consumidores”, disse o presidente da empresa, Bill Lovette. “Mas focamos no que podemos controlar, e vamos continuar conduzindo essa estratégia.”

No início deste mês, a companhia anunciou a venda de suas operações comerciais de ovos para a produtora e distribuidora norte-americana Cal-Maine. A transação inclui dois complexos de produção com capacidade para cerca de 1,4 milhão de galinhas poedeiras e terrenos localizados perto de Pittsburg, no Estado do Texas. A operação deve ser concluída em agosto.

A margem bruta da Pilgrim’s Pride aumentou para 7,3% no segundo trimestre, ante -2,4% no mesmo período de 2011. O resultado se deve ao encolhimento dos custos de vendas. Além disso, o resultado do segundo trimestre do ano passado incluída encargos de reestruturação operacional de cerca de US$ 2 milhões. As informações são da Dow Jones.