Peugeot cortará 2 mil empregos na França, diz France Info

Documentos internos dizem que a incerteza em relação ao Brexit e a redução nas vendas de veículos a diesel significariam que a PSA deve ser cautelosa

Paris – A PSA Peugeot Citroen planeja reduzir mais de 2 mil empregos, cerca de 3 por cento de sua força de trabalho, na França no ano que vem, em uma combinação de aposentadorias precoces e demissões voluntárias, noticiou a rádio France Info nesta segunda-feira, citando documentos internos.

Desde que quase faliu em 2014 e obteve um resgate financiado pelo governo, a PSA se comprometeu a reduzir custos trabalhistas, estoques e linhas de modelos para restaurar a lucratividade.

A administração disse nos documentos internos que a incerteza em relação à saída do Reino Unido da União Europeia e a redução nas vendas de veículos a diesel significariam que a PSA deve ser cautelosa, de acordo com a France Info.

A Peugeot planeja cortar 2.133 empregos na França, de acordo com a France Info. O número de funcionários da Peugeot, incluindo os empregos de sua fornecedora de autopeças Faurecia, era de 78.274 na França ao fim de 2015, segundo seu balanço anual.

A PSA Peugeot Citroen cortou 17 mil empregos desde o início de 2013, disse a France Info.

A PSA Peugeot Citroen não estava imediatamente disponível para comentários.