São Paulo – O Grupo Pão de Açúcar demitiu mais um executivo de alto escalão da companhia. Dessa vez, quem deixou a empresa foi Paulo Gualtieri, diretor vice-presidente de desenvolvimento estratégico. As informações são do Valor Econômico desta terça-feira (29).

O grupo, que é comandado pelo Casino, tem proposto reduções no corpo diretivo da rede com o objetivo de aumentar a agilidade na tomada de decisões da empresa e garantir maior autonomia ao comando local.

Desde março, 18 executivos – sendo 12 diretores e 6 gerentes – saíram do grupo pelo mesmo propósito. Ainda segundo a publicação, do total de desligamento, 13 ocorreram na holding e na área de varejo de alimentos, e cinco na Via Varejo, que agrupa as redes Ponto Frio e Casas Bahia.

O Grupo Pão de Açúcar é comandado pelo Casino desde junho de 2012. Desde então, aproximadamente 20 executivos de cargos altos da companhia foram cortados.

De acordo com depoimento do GPA ao Valor Econômico, a saída de Gualtieri faz parte das demissões que têm como objetivo simplificar a estrutura do grupo. Atualmente, a empresa conta com dois vice-presidentes e cinco executivos nominados de “donos do negócio”, abaixo de Enéas Pestana, presidente do grupo.

Considerada uma das maiores empresas de varejo da América Latina, o GPA conta com mais de 1.800 pontos de venda e mais de 158.000 colaboradores.