A trading japonesa Mitsui comprou a Veloce Logística por 4,7 bilhões de ienes (58,5 milhões de dólares) para se expandir no mercado brasileiro de distribuição de peças de automóveis, noticiou o jornal Nikkei.

A Veloce administra o transporte de peças, opera centros de distribuição e cuida das entregas no Brasil e na Argentina para as fábricas locais da General Motors e outras montadoras, segundo o jornal.

A Mitsui comprou a Veloce de um grupo de private equity e outros investidores. A Veloce, terceira maior do setor brasileiro, emprega cerca de 500 pessoas e tem vendas de aproximadamente 9 bilhões de ienes.

A companhia japonesa distribui peças de automóveis nos Estados Unidos, Europa e Ásia para a Toyota, disse o jornal.

No Brasil, a Mitsui espera atender à demanda de montadoras japonesas como a Honda e de europeias como Renault e Volkswagen, segundo o jornal.

A Mitsui também quer aumentar a eficiência no transporte para as unidades locais da Unilever, Nestlé e outras companhias fora do mercado de peças de automóveis, segundo o Nikkei.

Tópicos: Fusões e aquisições, Aquisições de empresas, Autoindústria, Setores, Indústrias em geral, Indústria, Dados de Brasil, América Latina, Infraestrutura, Logística, Empresas, Mitsui, Empresas japonesas