São Paulo - A fabricante de brinquedos Hasbro fechou 2015 no azul, com um crescimento de 4% nas vendas, que chegaram a 4,45 bilhões de dólares, e um lucro líquido de 451,8 milhões de dólares, quantia 9% maior do que a registrada no ano anterior.

Quando considerado apenas o último trimestre do ano, o avanço da receita foi ainda maior, de 13%, totalizando 1,47 bilhão de dólares.

Isso aconteceu graças a uma ajudinha do filme "Star Wars - O Despertar da Força", que chegou aos cinemas em dezembro.

A procura de crianças e colecionadores pelas miniaturas licenciadas do longa fez com que as vendas da sessão masculina crescessem 35% de outubro a dezembro.

Já no ano todo, o avanço da divisão para meninos foi um pouco menor, de 20%. Também ajudaram a impulsionar os resultados, segundo a empresa, os produtos licenciados do filme Jurassic World e de super-heróis da Marvel.

Divisão para meninas

A divisão de brinquedos para meninas, do outro lado, encolheu 17% no trimestre e 22% no ano. De acordo com a companhia, o principal responsável pela queda foi o bichinho de pelúcia interativo Furby.

As vendas dos itens da linha My Little Pony, a principal da marca, cresceram, mas foram ofuscadas pela baixa da categoria relacionada de bonecas Equestria Gils.

Entretanto, a Hasbro espera reverter esse quadro com o impulso das bonecas da licença Frozen (antes pertencente à Mattel) e de outras princesas da Disney, que chegaram à maioria das lojas só neste ano.

Tópicos: Balanços, Setores, Brinquedos, Hasbro, Lucro, Star Wars, Vendas