São Paulo - O Grupo CCR anunciou nesta quarta-feira que sua controlada Companhia de Participações em Concessões (CPC) firmou um contrato de compra e venda para a aquisição de 80% do capital social da concessionária Barcas S.A. - Transportes Marítimos, a quinta maior operadora de transporte aquaviário do mundo.

Concessionária de serviço público estadual, a Barcas S.A. detém a concessão das linhas regulares de transporte aquaviário de passageiros no Rio de Janeiro. O investimento da CCR no negócio será de R$ 72 milhões.

O contrato de compra e venda prevê o cumprimento de algumas condições para a conclusão da aquisição, dentre elas a obtenção da aprovação prévia do poder concedente. Após a conclusão financeira da aquisição, o capital social da Barcas S.A. será dividido nas seguintes proporções: 20% para a SPTA e 80% para a CPC, do Grupo CCR.

A Barcas navega 6,4 milhões de quilômetros por ano. Obteve a concessão do serviço por meio de licitação pública realizada em 1998 pela Cia. de Navegação do Estado do Rio de Janeiro. O contrato de concessão tem prazo de 25 anos, com possibilidade de extensão por outros 25. Atualmente, o término está previsto para fevereiro de 2023.

A empresa transporta, em média, 105 mil passageiros por dia. Em 2011, recebeu 29 milhões de passageiros em 81 mil viagens. A concessionária tem 800 colaboradores, opera atualmente seis linhas, possui 8 estações e 18 embarcações. As linhas que opera são: Praça XV (Rio) - Araribóia (Niterói), Praça XV (Rio) - Paquetá (Rio), Praça XV (Rio) - Ilha do Governador (Rio), Angra dos Reis - Ilha Grande, Ilha Grande - Mangaratiba e Praça XV (Rio) - Charitas (Niterói).

Tópicos: Fusões e aquisições, Aquisições de empresas, CCR, Empresas, Setor de transporte, Empresas abertas, Setores, Transporte e logística