Aguarde...

Banco | 18/04/2012 09:12

BNY Mellon tem lucro de US$619 mi 1º trimestre

Já a receita com operações de câmbio caiu 21% em relação a um ano antes

AFP

Dólar

Os negócios de câmbio do BNY Mellon têm sido alvo de diversos processos; o banco é acusado de sobretaxar clientes de fundos de pensões e nega qualquer irregularidade

O BNY Mellon teve leve queda no lucro do primeiro trimestre, quando a receita com operações de câmbio caiu 21 por cento em relação a um ano antes, informou nesta quarta-feira a instituição financeira.

O maior banco de custódia do mundo teve lucro líquido de 619 milhões de dólares, ou 0,52 dólar por ação, ante 625 milhões de dólares, ou 0,50 dólar por ação, um ano antes. O resultado foi igual às estimativas de analistas.

O banco informou que a receita com câmbio totalizou 136 milhões de dólares no primeiro trimestre, queda de 21 por cento frente ao ano anterior e de 26 por cento ante o quarto trimestre. A instituição financeira creditou o declínio anual aos volumes mais baixos e à menor volatilidade.

Os negócios de câmbio do BNY Mellon têm sido alvo de diversos processos; o banco é acusado de sobretaxar clientes de fundos de pensões e nega qualquer irregularidade.

Ativos sob custódia e administração, um dos principais direcionadores das taxas cobradas pelo banco, totalizaram 26,6 trilhões de dólares no fim de março, 4 por cento a mais do que um ano atrás.

Comentários  

Editora Abril

Copyright © Editora Abril - Todos os direitos reservados