Nova York - A Berkshire Hathaway divulgou neste sábado os resultados referentes a 2015. O lucro líquido da empresa aumentou para US$ 24,08 bilhões, em um ano em que diversos investimentos do empresário Warren Buffett tiveram desempenho abaixo do esperado.

Os resultados foram divulgados junto com a carta anual de Warren Buffett aos acionistas do grupo.

As ações da empresa caíram 12% no ano passado, pressionadas por investimentos em empresas como American Express, Walmart Stores e International Business Machines.

Em comparação, o índice S&P 500 caiu menos de 1%. A queda nas cotações do petróleo foi apontada como problema crescente para holdings estratégicas do grupo, como BNSF Railway e Geico.

O lucro operacional da Berkshire Hathaway, que exclui o impacto de investimentos, subiu para US$ 17,36 bilhões. O valor contábil do grupo (ativos menos passivos) aumentou para US$ 155.501 por ação equivalente a Classe A em 31 de dezembro.

Buffett vinha sustentando que o valor contábil era uma medida melhor do desempenho da empresa que qualquer outro critério. 

Tópicos: Empresas, Berkshire Hathaway, Empresas americanas, Personalidades, Empresários, Grandes investidores, Warren Buffett