HP e cerca de 30.000 no olho da rua

São Paulo - Na semana passada, rumores de que a Hewlett-Packard (HP) planejava cortar entre 25.000 e 30.000 pessoas do seu quadro de funcionários circularam no mercado. O montante representa 8% do quadro de funcionários que a companhia possui em todo o mundo.

Parte dos analistas acredita que o anúncio pode ser feito nesta quarta-feira, junto com a divulgação dos resultados financeiros trimestrais da empresa. Se a demissão for confirmada, o número de funcionários demitidos será recorde.

No último trimestre fiscal encerrado em janeiro deste ano, a HP apresentou queda de 44% no lucro e um declínio na receita de 7%. O resultado operacional em cada uma de suas principais unidades diminuiu mais de 30% na comparação com o mesmo período do ano anterior.
 

Tópicos: Demissões, Desemprego, Gestão, Gestão de negócios, Reestruturação