Movile recebe novo aporte – desta vez de R$ 125 milhões

Investimento será usado em novas aquisições e aplicativos comprados pela companhia no ano passado, como o iFood e Maplink

São Paulo – Em contradição aos rotineiros anúncios de desinvestimento e demissões feitos nos últimos meses, a empresa paulista de conteúdo para celular Movile acaba de receber um aporte para seguir com seu plano de expansão.

A Naspers, principal acionista da empresa desde 2008, fará um novo investimento na companhia de 125 milhões de reais para ser aplicado, em especial, em novas aquisições.

Parte dos investimentos também irá para os negócios comprados pela Movile no ano passado, incluindo os aplicativos Apontador, para busca e avaliações de negócios locais e Maplink, de geolocalização.

A Movile pagou 36 milhões de reais pelos dois em 2014.

O desempenho dos negócios comprados recentemente serviu de incentivo para o aporte.

Segundo a empresa, apenas o percentual de pedidos de entrega feitos por meio do aplicativo iFood, outro adquirido em 2014, triplicou de tamanho de janeiro a agosto.

Expansão global

Entre os aplicativos que a empresa já possuía e que também devem receber uma fatia para crescer está o Play Kids, focado em crianças de até 5 anos, lançado na China no ano passado.

“Adotamos o principal mote do Vale do Silício, que é agir e se adaptar rapidamente”, afirma Fabricio Bloisi, CEO e fundador da Movile. “O resultado disso é que nossos produtos têm sido posicionados para um crescimento global.”

A Movile tem 700 funcionários e escritórios no Brasil, na Colômbia, na Argentina, no México e no Vale do Silício.

Com receitas estimadas em 400 milhões de reais a empresa tem valor estimado de 800 milhões de reais e um longo caminho pela frente, se depender dos números do setor.

Segundo o grupo financeiro Goldman Sachs, as vendas por meio de aparelhos móveis devem atingir  626 bilhões de dólares até 2018.