Monsanto rejeita nova oferta da Bayer

A Monsanto disse nesta terça-feira que seu conselho foi unânime ao ver a nova e melhorada proposta da Bayer como "financeiramente inadequada"

A companhia norte-americana de sementes Monsanto rejeitou uma nova oferta de 125 dólares por ação feita pela Bayer, mas disse que está aberta a continuar negociações com o grupo alemão de químicos ou com outras partes.

A Monsanto disse nesta terça-feira que seu conselho foi unânime ao ver a nova e melhorada proposta da Bayer como “financeiramente inadequada e insuficiente para assegurar o negócio”.

“A Monsanto segue aberta a conversas contínuas e construtivas com a Bayer e outras partes para avaliar se uma transação que o Conselho acredite que seja do melhor interesse dos acionistas da Monsanto poderá ser realizada”, disse a companhia.

A Bayer elevou sua oferta em 3 dólares por ação na última quinta-feira, tornando a proposta de 125 dólares por ação a maior em dinheiro de que se tem registro.

Ela também ofereceu uma taxa de 1,5 bilhão no caso de o negócio não ser aprovado pelos órgãos antitruste.