Lucro da Cimpor sobe 21% no 4o tri puxado por Brasil e Turquia

Os dois países contribuíram para os aumentos de vendas de cimento e clínquer

LISBOA, 1o de março (Reuters) – A fabricante portuguesa de cimento Cimpor divulgou nesta terça-feira um aumento de 21 por cento no lucro líquido do quarto trimestre, superando expectativas do mercado por conta de fortes vendas no Brasil e Turquia que minimizaram a fraqueza do mercado ibérico.

“Brasil e Turquia foram os países que mais contribuíram para os aumentos de vendas de cimento e clínquer. Mas a China também contribuiu e tornou-se o terceiro maior mercado em vendas em volume”, disse a maior produtora de cimento de Portugal.

A Cimpor, alvo de uma batalha de aquisição em que os grupos brasileiros Camargo Corrêa e Votorantim compraram grandes participações minoritárias no ano passado, informou que o lucro líquido subiu para 71 milhões de euros (98 milhões de dólares), ante uma previsão média do mercado de 54 milhões.

A receita do quarto trimestre cresceu 9,4 por cento, para 559 milhões de euros, dentro do estimado por analistas. O lucro antes de juros, impostos, depreciação e amortização (Ebitda) cresceu 4 por cento, para 155 milhões de euros.

A empresa informou que as vendas recuaram 6 por cento no mercado doméstico e 22 por cento na Espanha. O setor de construção tem sido um dos mais atingidos pela crise financeira nos países ibéricos.