Kroton terá mais 30 pólos de ensino a distância em 2016

Com os 30 novos polos, a Kroton chega a 708 unidades que servem de apoio presencial para os alunos da modalidade de ensino a distância

São Paulo – A Kroton Educacional vai expandir sua rede de polos de ensino a distância (EAD) no próximo ano com a ativação de 30 unidades já credenciadas pelo Ministério da Educação e que não estavam em operação, informou o vice-presidente de EAD e polos da companhia, Roberto Valério.

Durante reunião com analistas e investidores, ele destacou que estes polos passarão a funcionar para o processo de captação de novos alunos do primeiro semestre de 2016.

Com os 30 novos polos, a Kroton chega a 708 unidades que servem de apoio presencial para os alunos da modalidade de ensino a distância. O número já desconsidera os pontos que serão vendidos com a alienação da Uniasselvi, instituição que a Kroton tem que vender em razão de um acordo com o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) quando da aprovação da fusão com a Anhanguera.

Valério informou ainda que a Kroton tem hoje 448 polos em processo de credenciamento pelo MEC. A maior parte deles já recebeu visitas de avaliadores, mas o processo de credenciamento ainda pode levar alguns meses, segundo o executivo, e por isso a companhia ainda não conta com todos eles na elaboração do processo orçamentário de 2016.

Ele ponderou que, embora a Kroton tenha hoje a maior rede de polos de ensino a distância do Brasil, a companhia ainda vê oportunidades de crescimento.

De acordo com ele, mesmo com a rede já ampla, a companhia tem hoje 36% dos alunos de ensino a distância do Brasil e está presente em regiões que representam 45% do potencial de consumo. Se a presença for ampliada com os novos polos pedidos, disse, a companhia pode chegar a 1.156 polos, com 60% desse potencial de consumo.