Incêndio provoca fechamento de parte de refinaria da Shell

Forte incêndio que começou na madrugada deste domingo em refinaria de Roterdã foi causado por um curto-circuito

Haia, 30 jul (EFE).- Um forte incêndio que começou na madrugada deste domingo por causa de um curto-circuito obrigou o fechamento de parte de uma grande refinaria da Shell em Roterdã, na Holanda, a maior da petroleira em toda a Europa.

O fogo teve início por volta das 3h locais (22h em Brasília) e atingiu pelo menos três das 60 caldeiras instaladas na refinaria, confirmou um porta-voz da Shell à imprensa holandesa.

De acordo com a emissora pública “NOS”, não há feridos.

O incêndio teria começado por causa de um curto-circuito em uma estação de alta voltagem, mas a empresa não confirmou a informação e disse ainda estar investigando os motivos do acidente.

Devido à alta tensão, os bombeiros não puderam entrar na estação para apagar o fogo, o que atrapalhou os trabalhos de extinção do incêndio, que só foi controlado por volta das 6h locais.

Ainda não se sabe quando a refinaria voltará a funcionar. O porta-voz da Shell afirmou que serão necessários alguns dias para consertar os danos provocados pelas chamas. EFE