Governo da Alemanha poderia comprar fatia da Daimler

Montadora não encontrou interessados em comprar sua participação na EADS e estado alemão deve entrar no negócio

Berlim – O governo da Alemanha deve comprar a participação da montadora Daimler na gigante aeroespacial European Aeronautic Defence & Space Co. (EADS), após não ter sido encontrado nenhum investidor privado interessado na fatia, segundo informaram fontes do Ministério de Economia.

Atualmente a Daimler detém uma fatia de 15% na EADS, com 22% das ações com direito a voto, e inicialmente está tentando vender metade dessa participação. O governo alemão esperava encontrar um investidor privado para as ações – que no momento têm um valor de mercado de 1,2 bilhão de euros a 1,3 bilhão de euros. Mas como ninguém apareceu, o governo está sendo forçado a entrar no negócio, segundo as fontes ouvidas pela Dow Jones.

A venda só deve ocorrer em meados do ano que vem, porque exigiria uma mudança na legislação de aquisições da Holanda, já que a sede da EADS fica no país. EADS, Daimler e o Ministério de Economia da Alemanha se recusaram a comentar o assunto. As informações são da Dow Jones.