Gol estima margem operacional entre 1,5% e 2% no 2º trimestre

Resultado corresponderia a um aumento de aproximadamente 1000 pontos base sobre o trimestre encerrado em junho de 2016

São Paulo – A Gol informou nesta quarta-feira, 5, as suas estimativas para o 2º trimestre. De acordo com comunicado, a margem operacional (Ebit) para o trimestre deverá ficar entre 1,5% e 2%, um aumento de aproximadamente 1000 pontos base sobre o trimestre encerrado em junho de 2016, de -8,2%, excluindo-se resultados não recorrentes. As informações são preliminares e não auditadas.

A receita unitária de passageiro (PRASK) para o trimestre encerrado em junho aumentou entre 7,5% e 8,0% comparada ao mesmo período do ano passado, devido adisciplina de capacidade e as estratégias de gerenciamento de receita, segundo a Gol.

Para o trimestre findo em junho, a GOL espera um aumento da receita unitária (RASK) de 8,5%a 9,0%. Os custos unitários ex-combustíveis (CASK ex-comb.), excluindo despesas não recorrentes, deverão cair aproximadamente 4% no trimestre findo em junho, comparativamente ao mesmo período do ano anterior.

Ainda de acordo com o comunicado, a capacidade (ASK) deve ter redução de 3,2% no 2º trimestre do ano na comparação com o mesmo período do ano passado. Já a margem Ebitda no período deve ser de 6,5% a 7,0%.

A Gol reduziu sua dívida total, incluindo arrendamento financeiros e operacionais, em aproximadamente R$ 100 milhões no trimestre.