Executivo-chefe do Uber deixa assessoria econômica de Trump

Segundo Kalanick, a participação dele nesse órgão vinha sendo entendida erroneamente como um endosso às políticas do novo governo

Washington – O executivo-chefe da Uber Technologies, Travis Kalanick, afirmou que deixa de integrar o conselho de assessoria econômica dos Estados Unidos.

Segundo Kalanick, a participação dele nesse órgão vinha sendo entendida erroneamente como um endosso às políticas do novo governo, liderado por Donald Trump.

O anúncio, divulgado em nota aos funcionários do Uber nesta quinta-feira, é feito após críticas contra a empresa diante de avaliações de que ela apoia o governo Trump.

Algumas celebridades e outras pessoas usaram as redes sociais para pedir às pessoas que deletem o aplicativo da companhia de seus celulares.

Fonte: Dow Jones Newswires